23/06/2020 | Covid 19, Lusa, Mundo, Notícias

Autoridades alemãs pedem prudência com taxa de contágio perto de 3

A taxa de contágio na Alemanha continua próxima de 3, o que levou esta terça-feira as autoridades a pedir prudência para evitar novos surtos de Covid-19.

O país regista um total de 190.862 casos diagnosticados desde o início da pandemia, um aumento de 503 em relação ao dia anterior.

Contam-se ainda mais 10 vítimas mortais, para um total de 8.895.

São agora 175.700 os casos considerados recuperados, uma subida de 400 nas últimas 24 horas.

Apesar de alguns estados federados registarem um aumento baixo ou até nulo de novas infeções, a taxa de contágio, que baixou ligeiramente em relação ao dia anterior, é de 2,76. Significa que um infetado contagia, em média, 2,76 pessoas.

“Temos que ter o maior cuidado possível, o vírus continua aí e tem um alto potencial de reprodução, como já vimos em alguns locais”, destacou Lothar Wieler, diretor do Instituto Robert Koch (RKI).

Os focos registados num matadouro em Gütersloh, com mais de 1.500 infetados, num complexo de apartamentos, em Göttingen, ou no bairro de Neukölln, em Berlim, contribuíram para a elevada taxa de contágio.

O governo da Renânia do Norte-Vestefália já decretou o confinamento do município de Gütersloh onde escolas, jardins-de-infância, bares, ginásios e cinemas estão fechados e os testes à Covid-19 foram alargados a todos os habitantes de forma gratuita.

A pandemia de Covid-19 já provocou mais de 472 mil mortos e infetou mais de 9,1 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.540 pessoas das 39.737 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Depois de a Europa ter sucedido à China como centro da pandemia em fevereiro, o continente americano é agora o que tem mais casos confirmados e mais mortes.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Share This