29/06/2021 | Covid 19, Lusa, Nacional, Notícias

Açores registam 22 casos de Covid-19 e 40 recuperações

A Autoridade de Saúde dos Açores registou nas últimas 24 horas 22 casos de Covid-19, todos em São Miguel, a par de 40 recuperações, havendo duas pessoas internadas no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada.

Segundo o boletim diário de hoje, e de acordo com as 1.838 análises realizadas nos laboratórios da região, por concelhos da ilha de São Miguel, que tem sido a mais atingida pela pandemia da Covid-19, na Lagoa há nove casos, na Ribeira Grande oito, em Ponta Delgada quatro e em Vila Franca do Campo um.

A Autoridade de Saúde dos Açores refere que dos 22 novos casos, um “foi diagnosticado a um viajante, residente, com rastreio de sexto dia positivo, e os restantes em contexto de transmissão comunitária”.

Registaram-se 40 recuperações e estão internados dois doentes, ambos no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, sendo que um encontra-se em Unidade de Cuidados Intensivos.

Os Açores registam 287 casos ativos, sendo 277 em São Miguel, cinco no Faial, dois na Graciosa, um na Terceira, um em São Jorge e um em Santa Maria.

Estão ativas na ilha do Faial duas cadeias de transmissão local primária, sendo que foram extintas 203 em todas as ilhas.

Em vigilância ativa estão 840 pessoas, sendo que desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 6.310 casos de Covid-19, tendo recuperado da doença 5.853 pessoas.

Morreram 33 pessoas, saíram do arquipélago 82 e 55 apresentaram prova de cura anterior.

Desde 31 de dezembro de 2020 e até 23 de junho, foram administradas nos Açores 204.508 doses de vacina contra a Covid-19, correspondentes a 114.502 pessoas com 16 ou mais anos com a primeira dose, e 90.006 pessoas com ambas as doses, no âmbito do Plano Regional de Vacinação.

A pandemia de Covid-19 provocou pelo menos 3.925.816 vítimas em todo o mundo, resultantes de 181.026.547 casos de infeção diagnosticados oficialmente, segundo o balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 17.086 pessoas e foram confirmados 875.449 casos de infeção, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Share This