No boletim sobre a situação epidemiológica, as autoridades de saúde apontam que a região contabiliza um total de 12.077 casos de infeção por SARS-CoV-2, desde o início da pandemia.

Sobre os novos casos, indica que seis são importados de Região de Lisboa e Vale do Tejo, da Região Norte, da Alemanha, de França, Noruega e Ucrânia, e os outros 23 são por transmissão.

O documento complementa que a Madeira tem identificados hoje 136 casos ativos, dos quais 26 são importados e 110 de transmissão local.

No boletim é destacado que estas pessoas infetadas estão a cumprir isolamento, encontrando-se cinco internadas nas unidades polivalentes do Hospital Dr.Nélio Mendonça, no Funchal, enquanto 14 estão confinadas num hotel e as demais permanecem em alojamento próprio.

Também menciona que, “no total, há 414 situações que se encontram hoje em apreciação pelas autoridades, relacionadas com viajantes identificados no aeroporto, contactos com casos positivos ou outras reportadas à linha SRS24 ou provenientes dos vários postos de testagem da Madeira”.

A DRS ainda aponta estarem em vigilância ativa de contactos positivos 288 pessoas nos vários concelhos da região, além de 35.182 viajantes com recurso à aplicação MadeiraSafe.

Outro aspeto realçado no boletim são os 24 doentes dados como recuperados hoje, que eleva para 11.864 o número de pessoas que conseguiram curar-se depois de terem sido infetadas por covid-19.

A região mantém os 77 óbitos associados a esta doença.

As autoridades regionais dos Açores e da Madeira divulgam diariamente os seus dados, que podem não coincidir com a informação divulgada no boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS) que hoje atribuiu ao arquipélago madeirense 22 novos casos, um total de 12.670 infeções e 74 mortes devido à doença covid-19, desde março de 2020.

A covid-19 provocou pelo menos 4.979.103 mortes em todo o mundo, entre mais de 245,47 milhões infeções pelo novo coronavírus registadas desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 18.156 pessoas e foram contabilizados 1.089.888 casos de infeção, segundo dados da Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países.

LUSA/HN

Share This