11/02/2022 | Lusa, Nacional, Notícias

Casa de Saúde S. João de Deus na Madeira requalifica duas unidades em investimento de 1,5 ME

A Casa de Saúde São João de Deus, nos arredores do Funchal, requalificou duas unidades de internamento, hoje inauguradas, com um total de 48 camas, num investimento de 1,5 milhões de euros.

“Esta requalificação vai mudar para muito melhor os contextos de habitabilidade, de conforto dos doentes e aperfeiçoar também as condições de trabalho dos colaboradores”, salientou o diretor da instituição, Eduardo Lemos, na cerimónia de celebração dos 100 anos de presença do Instituto S. João de Deus na ilha da Madeira.

As unidades de internamento requalificadas – S. João de Deus e Coragem – respondem a situações de longo internamento e a doenças como défice cognitivo, esquizofrenia e psicogeriatria.

A unidade S. João de Deus, com 28 camas, e a Unidade Coragem, com 20 camas, contam agora com quartos, enfermarias, gabinetes, salas de atividade, refeitórios e um conjunto de outras “estruturas bem requalificadas”, destacou Eduardo Lemos.

O diretor da Casa de Saúde referiu que a obra representou um investimento de 1,5 milhões de euros, dos quais 1,2 milhões através de empréstimo bancário e a restante verba proveniente de capitais próprios.

O responsável elencou também alguns projetos que estão a ser planeados, nomeadamente um programa assistencial e cuidados continuados em saúde mental, alargar o âmbito da intervenção na área das demências, robustecer o trabalho da comunidade e implementar um projeto de eficiência energética.

Presente na cerimónia, o presidente do Governo Regional da Madeira (PSD/CDS-PP/PPM), Miguel Albuquerque, realçou que esta casa de saúde é “decisiva e fundamental” na resposta a um conjunto de desafios, como o consumo “de um novo tipo de drogas sintéticas que proliferam e que têm criado problemas sociais e de saúde pública muito graves” e o alcoolismo.

“São desafios que nós temos de acompanhar e trabalhar em conjunto. E, nesse sentido, estamos preparados para assumir responsabilidades de tratamento de prevenção e integração social dessas pessoas”, afirmou o chefe do executivo insular.

Miguel Albuquerque garantiu ainda que o Governo da Madeira vai continuar a alocar recursos e a estabelecer parcerias com a Casa de Saúde S. João de Deus.

A Casa de Saúde S. João de Deus, com uma capacidade de 328 camas, cuida de mais de 900 utentes por ano, de acordo com a informação disponibilizada na cerimónia.

Em 17 de fevereiro de 1922, 12 irmãos chegaram à Madeira com a missão de assistir a população madeirense na área da saúde mental. Este estabelecimento dedicado às áreas da psiquiatria, saúde mental e reabilitação psicossocial foi inaugurado oficialmente em agosto de 1924.

A Casa de Saúde S. João de Deus do Funchal assiste todas as pessoas do sexo masculino que estejam na Região Autónoma da Madeira e dá também resposta a utentes do sexo feminino no Centro de Recuperação de Alcoologia S. Ricardo Pampuri e na Unidade de Cuidados Integrados Gerais.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share This