Groupe Bruxelles Lambert é o novo acionista maioritário da Affidea

O Groupe Bruxelles Lambert (GBL) adquiriu uma participação maioritária no capital da prestadora de serviços de diagnóstico de saúde Affidea, com presença em Portugal, devendo a transação ficar concluída no terceiro trimestre deste ano, foi hoje anunciado.

“O GBL assinou um acordo com a B-Flexion para adquirir a participação maioritária da Affidea”, avança a fornecedora de serviços médicos de diagnóstico em comunicado, acrescentando que “a transação deverá estar concluída no terceiro trimestre deste ano, após cumprimento dos habituais procedimentos legais e regulamentares”.

Fundada em 1991, a Affidea reclama a liderança na prestação de serviços de diagnóstico de saúde na Europa, dispondo de mais de 300 centros a operar em 15 países, um dos quais Portugal.

O valor do negócio não foi revelado.

Atualmente, para além de serviços integrados de diagnóstico avançado, a empresa presta também serviços de ambulatório e cuidados oncológicos.

Segundo refere, o novo acionista “irá apoiar a Affidea no desenvolvimento de serviços médicos de alta qualidade, salvaguardando o interesse de todas as partes interessadas – pacientes, médicos e reguladores”.

“O trabalho conjunto da gestão da Affidea e do GBL vai fortalecer ainda mais a rede Affidea nos seus principais mercados, bem como acelerar as fusões e aquisições em novos mercados europeus”, enfatiza.

Citado no comunicado, o presidente executivo (CEO) da Affidea Portugal congratula-se com a integração no “altamente reputado” grupo GBL, sublinhando a “enorme vontade e capacidade de concretizar os projetos de crescimento do Grupo Affidea e da Affidea Portugal em particular”.

“É igualmente gratificante ter a confirmação de que iremos continuar a nossa aposta na prestação de serviços médicos diferenciados e de alta qualidade, assim como o investimento na digitalização e na inovação, nomeadamente através da utilização de programas de inteligência artificial”, refere Miguel Santos.

Já o presidente executivo da Affidea, Giuseppe Recchi, afirma-se “grato à B-Flexion pelo seu investimento e apoio à empresa desde a sua aquisição, em 2014”, e desde a sua nomeação como CEO, em 2018.

“Construímos uma organização de classe mundial, quase duplicando a dimensão de negócio nos últimos quatro anos, abrindo caminho para novas vias de crescimento”, afirma, acrescentando”: “Tenho o prazer de ter o GBL como nosso parceiro, dada a sua profunda compreensão do nosso negócio e visão de investimento a longo prazo”.

Por sua vez, o CEO do GBL, Ian Gallienne, aponta a Affidea como “uma continuação da estratégia do GBL para aumentar a sua exposição como acionista maioritário em empresas que operam em mercados em crescimento e sustentadas por tendências seculares atrativas”.

Michal Chalaczkiewicz, ‘iInvestment Partner’ do GBL, nota que “a Affidea proporciona ao GBL exposição a setores da área de cuidados de saúde e geografias altamente atrativos”, avançando que “o objetivo é acelerar o crescimento orgânico, as fusões e aquisições e os programas de saúde digital”.

Cotado na bolsa Euronext de Bruxelas, o GBL é uma ‘holding’ de investimento com um valor líquido de ativo de 22.500 milhões de euros e uma capitalização de mercado de 15.300 milhões de euros no final de dezembro de 2021.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Share This