25/06/2022 | Mundo, Notícias

Boris Johnson deplora anulação do direito ao aborto nos EUA

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, deplorou o “grande passo atrás” que representa, na sua opinião, a decisão do Supremo Tribunal norte-americano de anular o direito ao aborto.

Esta decisão tem um “impacto maior do que se possa pensar”, afirmou o chefe do Governo britânico.

“Acredito que é um grande passo atrás”, declarou durante uma cimeira da Commonwealth em Kigali, no Ruanda.

“Continuo a acreditar no direito de escolha das mulheres”, acrescentou.

O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, declarou que a decisão do Supremo Tribunal que anula o direito ao aborto constitui um “erro trágico” e é resultado de uma “ideologia extremista”.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Share This