Médicos internos preencheram totalidade das vagas da área de especialização da Madeira

Os médicos internos preencheram as 39 vagas da área de especialização disponibilizadas à Madeira, informou o Instituto da Administração da Saúde da Região (IASAUDE).

“Na região, e ao contrário do que aconteceu nas restantes regiões do país, os médicos internos preencheram a totalidade das 39 vagas disponibilizadas à Madeira, o que evidencia e ilustra o elevado grau de confiança atribuída ao Serviço Regional de Saúde”, lê-se numa nota o IASAUDE.

Segundo o instituto, o processo de escolha da área de especialização, no âmbito do procedimento concursal de ingresso no Internato Médico de 2022, que decorre em simultâneo a nível nacional, realizou-se entre os dias 16 e 28.

No âmbito do concurso, a Administração Central do Sistema de Saúde (ACSS) afetou 39 vagas ao Serviço Regional de Saúde (SESARAM), “apenas mais duas do que em 2021”, embora inicialmente tenham sido solicitadas 62 vagas para a região, indica o IASUADE.

Contudo, salienta o instituto, “foram atribuídas vagas à Madeira nas especialidades de Medicina Interna e Medicina Intensiva não solicitadas”, o que constitui “um reconhecimento nacional da elevada capacidade formativa nestes serviços”.

Na nota é ainda referido que a Madeira solicitou duas vagas para Medicina Interna e foram atribuídas cinco, enquanto para o Serviço de Medicina Intensiva foi pedida uma vaga e foram disponibilizadas três para médicos internos.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share This