Oftalmologistas alertam para impacto do glaucoma pediátrico na qualidade de vida das crianças

10 de Março 2023

O Grupo Português de Glaucoma da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO) promove na próxima segunda-feira um webinar sobre glaucoma pediátrico. Na sessão, os especialistas irão abordar o impacto na na qualidade de vida das crianças. 

No âmbito da Semana Mundial do Glaucoma que se assinala de 12 a 18 de março, a SPO promove uma sessão que irá contar com a participação de especialistas de renome na área de oftalmologia pediátrica e vai abordar temas relacionadas com os tipos de glaucoma pediátrico, quais os sinais de alarme ou suspeita a que profissionais de saúde e familiares devem estar atentos.

A SPO explica, em comunicado, que “o glaucoma pediátrico é considerado raro, contudo quando se verifica resulta frequentemente em deficiência visual grave e é responsável por um impacto significativo no desenvolvimento e qualidade de vida das crianças afetadas, bem como das suas famílias”

Em idade pediátrica, o glaucoma pode ser dividido em dois grupos: primário e secundário. No glaucoma primário existe uma anomalia no desenvolvimento do sistema de drenagem do líquido intraocular, que resulta no aumento da pressão intraocular que por sua vez leva à lesão do nervo ótico.  Cerca de 10% dos casos podem ser hereditários e podem classificar-se de acordo com a idade da criança em que se registam os primeiros sinais associados.

O glaucoma pediátrico secundário pode resultar de doenças oculares, como doença inflamatória, de traumatismo ocular ou do uso de certos medicamentos como corticosteroides. As crianças que são operadas a catarata têm também uma probabilidade elevada de vir a ter glaucoma. Neste grupo, inclui-se também o glaucoma que pode surgir associado a doenças sistémicas como anomalias cromossómicas e genéticas.

A iniciativa destina-se a a especialistas de Medicina Geral e Familiar, Pediatria e Neonatologia. As inscrições estão disponíveis aqui.

PR/HN/VC

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Luís Montenegro: “Concordo com a necessidade de valorizar a carreira dos bombeiros e estamos a trabalhar nisso”

Hoje, no debate sobre o estado da nação, o primeiro-ministro respondeu a Inês Sousa Real que concorda que é necessário valorizar a carreira dos bombeiros, mas o Governo está “a trabalhar nisso”, e garantiu que não está desatento à violência doméstica, tendo já avançado com um despacho para a criação de um grupo de trabalho “transversal” no âmbito do apoio à vítima.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights