Preveris é a nova marca de prevenção em saúde

13 de Junho 2024

A Preveris, uma empresa do Grupo CUF, resulta da união de duas marcas de sucesso: SAGIES e Atlanticare. Com uma experiência acumulada de mais de 50 anos e o legado de experiência, rigor e confiança do Grupo CUF, esta união representa a soma desse conhecimento, numa nova marca que se coloca ao serviço da prevenção, da saúde e do bem-estar das empresas portuguesas. Operadora líder de mercado no setor da saúde ocupacional em Portugal, a Preveris é responsável por servir 25 por cento das 100 maiores empresas que atuam no nosso país.  

Através de uma rede nacional de 30 centros clínicos autorizados, pela Direção-Geral de Saúde, para a prestação de serviços de medicina no trabalho, de quatro unidades móveis de saúde e do acesso à rede de hospitais e clínicas da rede CUF, a Preveris assegura a prestação de todos os serviços de prevenção, saúde e bem-estar com uma cobertura geográfica de norte a sul do país.

De acordo com as necessidades de cada empresa, a Preveris disponibiliza uma vasta gama de serviços, que vão desde o simples cumprimento de obrigatoriedades legais – saúde no trabalho, segurança no trabalho e formação – até uma oferta completa e diferenciada nas áreas da prevenção e saúde, que engloba check-ups, programas de saúde mental, serviços de Telemedicina, consultas de Medicina Geral e Familiar, para além de criar soluções de saúde e prevenção que respondam às necessidades específicas de cada cliente.

Para o Presidente da Comissão Executiva da Preveris, Francisco Gonçalves Pereira, “a saúde ocupacional em Portugal deve ter um papel chave para a saúde preventiva, abrangente e de qualidade, da população em idade de trabalho. Com o apoio da CUF, as nossas soluções contribuem para prevenir as doenças e aumentar a qualidade de vida dos colaboradores das empresas, e diminuir a sinistralidade e o absentismo, o que se reflete na melhoria dos índices gerais de produtividade e ajuda à atração e retenção de talento.”

A experiência, diferenciação e especialização das equipas multidisciplinares, que se mantêm permanentemente atualizadas, contribuem de forma decisiva para a qualidade dos serviços prestados aos nossos clientes empresariais. “O profissionalismo e compromisso das nossas equipas, com recurso a soluções para monitorização dos serviços em tempo real, garantem um elevado nível de integração e personalização dos serviços prestados”, assegura Francisco Gonçalves Pereira.

A marca Preveris nasce da junção dos conceitos Prevenir e Verificar: prevenir, pela importância de antecipar e prevenir a doença e os riscos de acidente; verificar, pela importância de assegurar que os colaboradores estão nas melhores condições de saúde para desempenhar o seu papel na empresa e que as condições de trabalho na empresa são as mais adequadas. A marca Preveris foi desenvolvida pela consultora WB, sendo a agência Milford responsável pela criação da identidade da marca e campanha de lançamento.

PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Expansão do modelo ULS

Fernando Araújo é um dos autores de um artigo publicado na revista “Frontiers in Public Health”, em maio deste ano, que explica a história e perspetiva o futuro do modelo ULS.

Cérebro humano consegue distinguir vozes deepfake de vozes reais

Os nossos cérebros processam vozes naturais e vozes deepfake de forma diferente? Pesquisas realizadas na Universidade de Zurique indicam que sim. Num novo estudo, investigadores identificaram duas regiões cerebrais que respondem de maneira distinta a vozes naturais e a vozes deepfake.

Solidão e problemas de saúde mental estão interligados

Os resultados de um estudo realizado por investigadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia (NTNU), da Universidade de Oslo, da UiT Universidade do Ártico da Noruega, da OsloMet, do Hospital Universitário de Oslo e do Hospital Innlandet e publicados na BJPsych Open, mostram que pessoas solitárias têm maior probabilidade de tomar medicação para depressão, psicose e outros distúrbios mentais.

Pressão arterial elevada associada a pior cognição em adolescentes

Adolescentes com pressão arterial elevada e rigidez arterial podem experienciar funções cognitivas mais fracas, de acordo com um estudo recente finlandês realizado por investigadores das universidades de Jyväskylä e de Eastern Finland, ambas na Finlândia.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights