Sociedade Portuguesa de Dermatologia e Venereologia promove reunião de Verão em Évora

13 de Junho 2024

Nos próximos dias 28 e 29 de junho, a Sociedade Portuguesa de Dermatologia e Venereologia (SPDV) realizará a sua Reunião de Verão no Hotel Vila Galé, em Évora. O evento é uma oportunidade para dermatologistas e profissionais da área compartilharem conhecimentos, debaterem os últimos avanços na especialidade e fortalecerem laços profissionais

Paulo Filipe, presidente da SPDV, destaca, em comunicado enviado às redações que a preparação do evento envolveu uma “gama ampla de temas”. “Estarão presentes as habituais comunicações e casos clínicos de livre submissão que são o espelho do árduo e profícuo trabalho dos dermatologistas portugueses ao serviço da medicina e dos doentes. São igualmente o espelho dos internatos de excelência que se praticam no Serviço Nacional de Saúde português”, afirma.

No primeiro dia, o destaque vai para um simpósio científico de atualização sobre infeções sexualmente transmissíveis e uma mesa-redonda dedicada à inteligência artificial (IA) na dermatologia, onde serão discutidos os prós e contras dessa tecnologia. “Esta mesa surge na sequência do início de um novo projeto-piloto que terá lugar no Serviço Nacional de Saúde”, explica o Professor Doutor Paulo Filipe.

Ainda no primeiro dia, será realizada uma sessão sobre a história da dermatologia, preparada pelo grupo de história da SPDV em colaboração com a antropóloga Cristiana Bastos, autora do livro “Clínica, arte e sociedade – a sífilis no Hospital do Desterro e na Saúde Pública”.

Considerando o valor arquitetónico de Évora, a reunião incluirá a sessão “Mens Sana in Locus Sano”, com a arquiteta paisagista Paula Maria Simões, professora na Universidade de Évora. A sessão pretende refletir sobre como um ambiente saudável e bem projetado pode contribuir para uma mente saudável.

O segundo dia será reservado para uma homenagem ao médico dermatologista Manuel Virgílio Murta, falecido no final do ano passado. Também serão realizados simpósios satélites organizados por parceiros da indústria farmacêutica, a apresentação dos três posters selecionados e o anúncio de bolsas e prémios promovidos pela SPDV.

O evento é de acesso exclusivo a profissionais de saúde.

Para mais informações, consulte: https://www.spdv.pt/_reuniao_do_verao

NR/PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Expansão do modelo ULS

Fernando Araújo é um dos autores de um artigo publicado na revista “Frontiers in Public Health”, em maio deste ano, que explica a história e perspetiva o futuro do modelo ULS.

Cérebro humano consegue distinguir vozes deepfake de vozes reais

Os nossos cérebros processam vozes naturais e vozes deepfake de forma diferente? Pesquisas realizadas na Universidade de Zurique indicam que sim. Num novo estudo, investigadores identificaram duas regiões cerebrais que respondem de maneira distinta a vozes naturais e a vozes deepfake.

Solidão e problemas de saúde mental estão interligados

Os resultados de um estudo realizado por investigadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia (NTNU), da Universidade de Oslo, da UiT Universidade do Ártico da Noruega, da OsloMet, do Hospital Universitário de Oslo e do Hospital Innlandet e publicados na BJPsych Open, mostram que pessoas solitárias têm maior probabilidade de tomar medicação para depressão, psicose e outros distúrbios mentais.

Pressão arterial elevada associada a pior cognição em adolescentes

Adolescentes com pressão arterial elevada e rigidez arterial podem experienciar funções cognitivas mais fracas, de acordo com um estudo recente finlandês realizado por investigadores das universidades de Jyväskylä e de Eastern Finland, ambas na Finlândia.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights