Lara Cunha: Enfermeira Especialista em Enfermagem Médico-cirúrgica; Research Fellow na Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

O Valor da Incerteza

06/20/2024

Atualmente, a certeza é encarada como um sinónimo de prosperidade e segurança. Desde tenra idade, somos educados a planear cada etapa da nossa vida, estabelecer objetivos claros e evitar quaisquer tipos de riscos. Não obstante, embora (aparentemente sentida como) desconfortável, a incerteza pode ser uma poderosa aliada se aprendermos a lidar com ela de forma construtiva.

Primeiramente, é essencial reconhecer que a incerteza é uma parte inevitável da experiência humana. Ninguém, por mais preparado ou bem-sucedido que seja, está imune ao “medo do desconhecido”. A diferença entre os que prosperam e aqueles que paralisam perante a experiência de incerteza está na capacidade de aceitá-la e utilizá-la como catalisadora de crescimento individual.

Ao depararmo-nos com situações incertas, a reação instintiva é frequentemente a de evitamento do desconforto. Conquanto, uma abordagem adaptativa envolve a observação e aceitação daquilo que sentimos. Ademais, a incerteza muitas vezes mascara um medo mais profundo – o medo de falhar, de fazer a escolha errada ou de ser julgado pelos pares. Reconhecer esses medos é o primeiro passo para superá-los. Quando compreendermos que o medo é uma resposta natural ao desconhecido, podemos começar a abordá-lo de maneira mais racional e menos reativo.

Outro aspeto crucial é lembrar que a incerteza é universal. Todos enfrentamos momentos de dúvida e indecisão. Até mesmo as pessoas que parecem ter tudo controlado enfrentam batalhas internas. Compreender esta dimensão de transversalidade pode ajudar-nos a debelar a sensação de solitude e a impelir-nos a pedir ajuda quando esta tem impacto nas nossas atividades de vida diária.

Um ponto importante a reter: relembrar que poucas decisões na nossa vida serão definitivas. Se assumirmos uma direção que eventualmente se revela insatisfatória, existe sempre a possibilidade de mudar de rumo. A vida é flexível e permite ajustes contínuos. Tomar decisões com base nas melhores informações disponíveis no momento e estar disposto a adaptá-las conforme necessário, é a chave para navegar com sucesso num mundo incerto.

Ao invés de encarar a incerteza como um inimigo a ser combatido, devemos encará-la como uma oportunidade de aprendizagem e crescimento. A incerteza impele-nos a sair da zona de conforto, a questionar as nossas suposições e a desenvolver resiliência. Ao abraçar o desconhecido, podemos descobrir novas possibilidades de (trans)formação e descoberta.

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights