Secretária de Estado da Saúde Ana Povo presente na 8.ª edição dos Prémios Jornalismo em Saúde

24 de Junho 2024

A Secretária de Estado da Saúde, Ana Povo, será a responsável por encerrar a cerimónia de entrega dos Prémios Jornalismo em Saúde, uma iniciativa promovida pela APIFARMA – Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica, em colaboração com o Clube de Jornalistas

O evento está agendado para o próximo dia 26 de junho, às 17h00, nas instalações do Clube de Jornalistas.

Nesta 8.ª edição, a cerimónia apresentará um novo formato em comemoração de dois marcos históricos: o 50.º aniversário do 25 de Abril e o 85.º aniversário da APIFARMA. Antes da entrega dos prémios, haverá um debate significativo sobre o Serviço Médico à Periferia (SMP), um programa fundamental que esteve em vigor entre 1974 e 1982 e que desempenhou um papel crucial na criação do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e na prestação de cuidados de saúde primários em todo o país.

O debate contará com a participação de quatro médicos que integraram o SMP, que partilharão as suas experiências e refletirão sobre a importância deste serviço para a saúde pública em Portugal.

Após o debate, seguir-se-á a entrega dos prémios jornalísticos. O júri destacou trabalhos em seis categorias diferentes, abordando temas relevantes como a saúde mental, a escassez de médicos no SNS e as lições aprendidas com a pandemia de COVID-19.

A cerimónia promete não só reconhecer a excelência no jornalismo de saúde, mas também fomentar uma reflexão profunda sobre a evolução e os desafios do sistema de saúde em Portugal.

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Expansão do modelo ULS

Fernando Araújo é um dos autores de um artigo publicado na revista “Frontiers in Public Health”, em maio deste ano, que explica a história e perspetiva o futuro do modelo ULS.

Cérebro humano consegue distinguir vozes deepfake de vozes reais

Os nossos cérebros processam vozes naturais e vozes deepfake de forma diferente? Pesquisas realizadas na Universidade de Zurique indicam que sim. Num novo estudo, investigadores identificaram duas regiões cerebrais que respondem de maneira distinta a vozes naturais e a vozes deepfake.

Solidão e problemas de saúde mental estão interligados

Os resultados de um estudo realizado por investigadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia (NTNU), da Universidade de Oslo, da UiT Universidade do Ártico da Noruega, da OsloMet, do Hospital Universitário de Oslo e do Hospital Innlandet e publicados na BJPsych Open, mostram que pessoas solitárias têm maior probabilidade de tomar medicação para depressão, psicose e outros distúrbios mentais.

Pressão arterial elevada associada a pior cognição em adolescentes

Adolescentes com pressão arterial elevada e rigidez arterial podem experienciar funções cognitivas mais fracas, de acordo com um estudo recente finlandês realizado por investigadores das universidades de Jyväskylä e de Eastern Finland, ambas na Finlândia.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights