Sanofi Consumer Healthcare Western Europe* obtém certificação B Corp em reconhecimento do impacto social e ambiental

8 de Julho 2024

A Sanofi anunciou em comunicado que a sua unidade de Consumer Healthcare Western Europe, abrangendo Áustria, Bélgica, Grécia, Portugal, Espanha, Suíça e Reino Unido, obteve a prestigiosa Certificação B Corp.

Esta certificação, concedida após uma rigorosa avaliação, reconhece o impacto positivo da empresa na sociedade e no ambiente.

A Sanofi Consumer Healthcare Western Europe, cujas marcas incluem Telfast®, Bisolvon® e Dulcolax®, alcançou este marco importante poucos meses após a certificação B Corp para as unidades da Itália, Alemanha e América Latina Hispânica, obtida em dezembro de 2023. A região da América do Norte, incluindo Estados Unidos e Canadá, foi a primeira a ser certificada em setembro de 2023.

Empresas certificadas pelo B Lab, uma rede internacional que promove uma economia inclusiva, equitativa e regenerativa, são reconhecidas por cumprir elevados padrões de desempenho social e ambiental, responsabilidade e transparência.

Citada no comunicado, Julie Van Ongevalle, Vice-Presidente Executiva da Consumer Healthcare da Sanofi, expressou sua satisfação: “Sentimo-nos honrados por receber a Certificação B Corp para o nosso negócio de Consumer Healthcare na Europa Ocidental, expandindo a nossa participação no movimento B Corp e criando alterações sociais e ambientais através de práticas comerciais positivas. Este é mais um marco no nosso progresso e no caminho para promover um melhor autocuidado para uma sociedade mais saudável e um planeta mais saudável.”

Por seu lado, Harsh Gk, Diretor da Consumer Healthcare Western Europe, também ele citado na nota à inprensa acrescentou: “A nossa Certificação B Corp na Europa Ocidental é um momento de orgulho na nossa procura de uma liderança orientada para o propósito – e reafirma o nosso compromisso firme com a sustentabilidade, responsabilidade social e gestão ambiental. Estamos entusiasmados por aproveitar a nossa Certificação B Corp para inspirar outras pessoas na nossa indústria a juntarem-se a nós na nossa missão.”

Já Pedro Gouveia, Country Head da Sanofi Consumer Healthcare Portugal, celebrou a conquista: “É com imenso orgulho que anunciamos que a Sanofi CHC Portugal é agora uma B Corp™! Este selo de excelência reflete o nosso compromisso com um futuro sustentável e saudável para todos os portugueses. Juntos, estamos a colocar mais saúde nas mãos de todos e a construir um amanhã melhor para Portugal e para todos os países onde estamos presentes.”

A certificação B Corp reforça o compromisso da Sanofi Consumer Healthcare Western Europe com a sustentabilidade e o impacto social, incluindo iniciativas como:

49% dos líderes identificados como mulheres, alinhando-se com o objetivo de representação de género em posições de liderança sénior até 2025.
90% dos escritórios com eletricidade 100% renovável.
Promoção de embalagens recicláveis e redução do desperdício.
Parcerias com fornecedores para reduzir a pegada ambiental, utilizando materiais sustentáveis.
Desenvolvimento contínuo dos colaboradores com mais de 44 horas de formação por colaborador no último ano.
Licença parental remunerada de 14 semanas para todos os colaboradores, independente do sexo ou orientação sexual.
Programa de saúde e bem-estar AllWell para criar um ambiente de trabalho seguro e inclusivo.
A certificação B Corp da Sanofi Consumer Healthcare Western Europe é um passo essencial na jornada da empresa para certificar todas as suas atividades de Consumer Healthcare a nível mundial.

NR/HN/PR

 

 

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Expansão do modelo ULS

Fernando Araújo é um dos autores de um artigo publicado na revista “Frontiers in Public Health”, em maio deste ano, que explica a história e perspetiva o futuro do modelo ULS.

Cérebro humano consegue distinguir vozes deepfake de vozes reais

Os nossos cérebros processam vozes naturais e vozes deepfake de forma diferente? Pesquisas realizadas na Universidade de Zurique indicam que sim. Num novo estudo, investigadores identificaram duas regiões cerebrais que respondem de maneira distinta a vozes naturais e a vozes deepfake.

Solidão e problemas de saúde mental estão interligados

Os resultados de um estudo realizado por investigadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia (NTNU), da Universidade de Oslo, da UiT Universidade do Ártico da Noruega, da OsloMet, do Hospital Universitário de Oslo e do Hospital Innlandet e publicados na BJPsych Open, mostram que pessoas solitárias têm maior probabilidade de tomar medicação para depressão, psicose e outros distúrbios mentais.

Pressão arterial elevada associada a pior cognição em adolescentes

Adolescentes com pressão arterial elevada e rigidez arterial podem experienciar funções cognitivas mais fracas, de acordo com um estudo recente finlandês realizado por investigadores das universidades de Jyväskylä e de Eastern Finland, ambas na Finlândia.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights