Pfizer Portugal, Careca Power e Amigas do Peito lançam manual “50 Perguntas • Cancro da Mama”

9 de Julho 2024

Produzido em parceria com as associações Careca Power e Amigas do Peito, “50 Perguntas • Cancro da Mama” reforça a aposta da Pfizer na literacia em saúde para a área do cancro. O manual será distribuído de forma gratuita pelas associações e entregue em hospitais de todo o país, podendo ainda ser descarregado através do website da Pfizer.

São muitas as questões e as angústias que surgem quando se vive com cancro da mama. “O que significam os estádios do cancro da mama?”, “Quanto tempo duram os tratamentos?”, “A carne vermelha causa cancro?” ou “Poderei engravidar após um cancro da mama?” são algumas dúvidas que acompanham a chegada de um diagnóstico ou o convívio com a doença, contextualiza, em comunicado de imprensa, a Pfizer.

Para contribuir para uma vida sem medos, e em parceria com a Associação Careca Power e a Associação Humanitária de Apoio à Mulher com Cancro da Mama – Amigas do Peito, a Pfizer Portugal lançou o livro “50 Perguntas • Cancro Da Mama”, com o objetivo de desmistificar as questões mais comuns sobre a patologia, explica a Pfizer.

“50 Perguntas • Cancro Da Mama” inclui 50 perguntas às quais Leonor Fernandes, médica no Serviço de Oncologia da ULS São José, Pedro Meireles e Sara Magno, médicos no Serviço de Oncologia do IPO de Lisboa, respondem de forma simples e clara, e que vão desde as dúvidas iniciais como “Quais são os diferentes tipos de cancro da mama” a questões sobre nutrição e tratamentos.

O cancro da mama é uma das doenças com maior impacto na sociedade, recorda a Pfizer. Considerado o mais comum entre as mulheres (excluindo o cancro de pele), corresponde à primeira causa de morte por cancro, neste grupo. Em Portugal, todos os anos são detetados cerca de 7.000 novos casos de cancro da mama e 1.800 mulheres morrem com a doença.

O manual pode ser descarregado aqui.

PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Expansão do modelo ULS

Fernando Araújo é um dos autores de um artigo publicado na revista “Frontiers in Public Health”, em maio deste ano, que explica a história e perspetiva o futuro do modelo ULS.

Cérebro humano consegue distinguir vozes deepfake de vozes reais

Os nossos cérebros processam vozes naturais e vozes deepfake de forma diferente? Pesquisas realizadas na Universidade de Zurique indicam que sim. Num novo estudo, investigadores identificaram duas regiões cerebrais que respondem de maneira distinta a vozes naturais e a vozes deepfake.

Solidão e problemas de saúde mental estão interligados

Os resultados de um estudo realizado por investigadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia (NTNU), da Universidade de Oslo, da UiT Universidade do Ártico da Noruega, da OsloMet, do Hospital Universitário de Oslo e do Hospital Innlandet e publicados na BJPsych Open, mostram que pessoas solitárias têm maior probabilidade de tomar medicação para depressão, psicose e outros distúrbios mentais.

Pressão arterial elevada associada a pior cognição em adolescentes

Adolescentes com pressão arterial elevada e rigidez arterial podem experienciar funções cognitivas mais fracas, de acordo com um estudo recente finlandês realizado por investigadores das universidades de Jyväskylä e de Eastern Finland, ambas na Finlândia.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights