Especialistas debatem novos conhecimentos sobre a evolução das doenças raras em Portugal

20 de Maio 2022

O Núcleo de Estudos de Doenças Raras (NEDR) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) realiza o 2º Congresso Nacional de Doenças Raras, nos dias 20 e 21 de maio, em Évora. 

Subordinado ao tema “Connecting the World on Rare Diseases” este encontro científico vai trazer à cidade alentejana um painel de especialistas que vão analisar e partilhar novos conhecimentos sobre a evolução das doenças raras em Portugal e resto do mundo.

Para Luísa Pereira, Presidente do Congresso, o principal objetivo passa por priorizar as doenças raras e debatê-las junto da comunidade científica. “Apesar de ser organizado pelo NEDR, este não é um congresso só para o núcleo de Medicina Interna. Desde o início que sempre tentámos que estas reuniões fossem para todos os profissionais de saúde com interesse nesta área”, afirma a responsável sublinhando que “a ideia primordial é voltar a juntar as pessoas da área sem exceções para se retomarem os trabalhos e apresentar o que cientificamente foi e é relevante para a nossa prática atualmente”.

Serão ainda apresentadas as conclusões do grupo de reflexão SER Raro, que serão comunicadas posteriormente ao Ministério da saúde, como um apoio á revisão atualmente em curso da Estratégia Integrada para as Doenças Raras.

Segundo Luís Brito Avô, Coordenador do NEDR “estima-se que existam 600 a 700 mil portugueses com diagnóstico de doença rara. Um número que é, na verdade, uma estimativa pois não temos um registo nacional de doenças raras e por isso não sabemos quantos doentes temos. Só nos últimos 12 anos foram relatadas 833 novas doenças raras, a nível mundial. A epidemiologia está em permanente evolução”.

Networking em doenças raras, Doentes e organizações, Genética em Doenças Raras, Doenças Raras com expressão sistémica, Doenças metabólicas raras, Cuidados paliativos, Organização, gestão e investigação em doenças raras, Educação e formação em doenças raras encabeçam os principais temas que vão estar em destaque, no decorrer do encontro.

O II Congresso Nacional de Doenças Raras vai ainda ficar marcado pela apresentação do projeto “Rare Awareness”, que já teve duas realizações anuais até ao momento, pelo encerramento do projeto POMPE 2021 e pela apresentação do projeto das Porfírias para 2022-23.

Mais informações disponíveis em: https://www.spmi.pt/2o-congresso-nacional-de-doencas-raras/

PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

238 casos de Mpox detetados em Portugal desde junho

Cerca de 240 casos de Mpox foram detetados em Portugal desde 01 de junho do ano passado, revela um balanço da Direção-Geral da Saúde (DGS), segundo o qual o surto continua ativo, mas com tendência decrescente.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights