Enfermeira Teresa Fraga Diretora Técnica da Unidade de Cuidados Continuados e Paliativos Pediátricos Kastelo,

Reconhecimento uma ilusão

06/24/2023

A enfermagem é uma profissão nobre e comporta a maior classe profissional da área da saúde.

Diariamente os enfermeiros tocam muitas vidas e são tocados por elas, prestando cuidados de excelência para salvar vidas. A sua atuação não está relacionada com o reconhecimento, porque, infelizmente, este não existe.

O enfermeiro presta cuidados com ciência, investigando diariamente para a melhoria da qualidade. Esta investigação fica a cargo dos enfermeiros o que monetariamente acarreta custos para os mesmos.

Não existe formação patrocinada nem reconhecimento nas atividades diárias e objetivos que são concretizados em benefício da comunidade.

Não esperes reconhecimento pela tua dedicação. É mais fácil seres reconhecido a nível mundial que no teu país. Os nossos projetos inovadores que beneficiam a comunidade são valorizados no exterior, mas no meu país não existe essa valorização.

Eu, entre 52065 enfermeiros de todo o mundo, fiquei nos 10 finalistas. A enfermagem portuguesa foi levada além fronteiras, onde houve reconhecimento e valorização. Todos os órgãos de gestão nacionais receberam um comunicado da minha posição como finalista. Até à data ainda não recebi nenhuma resposta dos mesmos, apenas o seu silêncio. Isto é triste pois sou uma enfermeira que mensalmente paga as suas quotas e todos os dias contribui para a comunidade e o sistema de saúde português.

Como alguém diz, o lema da enfermagem é “Ninguém está sozinho”. Infelizmente a realidade é que todo o enfermeiro está sozinho.

Os meus colegas finalistas no país deles tiveram um reconhecimento dos seus superiores, incluindo o Ministério da Saúde dos seus países. Receberam uma medalha de honra, entre outros reconhecimentos. A minha deverá estar ainda em projeto…

Se queres reconhecimento, vamos unir-nos por uma enfermagem mais valorizada e reconhecida em prol da saúde dos portugueses.

O que desejamos: união, valorização e reconhecimento.

Unidos todos contam.

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Sindicatos ouvidos na Comissão de Saúde alertam para “condições muito precárias” no SNS

Os sindicatos dos trabalhadores da saúde falam em “condições muito precárias” para doentes e profissionais. O problema no SNS não é só a carreira: chove dentro de gabinetes, há cadeiras rotas e computadores que não dão resposta. “Não houve investimento na tecnologia como deveria ser”, disse Joana Bordalo e Sá, presidente da FNAM, na Comissão de Saúde.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights