Joaquim Chaves Saúde reforça presença no norte do país

30 de Julho 2023

A Joaquim Chaves Saúde acaba de reforçar a sua presença no norte do país com a abertura de três novos postos no distrito do Porto: Foz do Douro, Oliveira do Douro e Águas Santas.

Segundo Jorge de Sá Peliteiro, diretor técnico do Laboratório do Norte, “estes três novos postos estão integrados na estratégia global de expansão do Grupo, cujo objetivo é disponibilizar espaços de proximidade, com elevados níveis de qualidade, à população em todo o país. Com estas três novas unidades, a Joaquim Chaves Saúde reforça a sua presença no Grande Porto e consolida a sua estratégia de expansão na zona Norte”.

O Grupo Joaquim Chaves Saúde disponibiliza serviços de análises clínicas de excelência na região Norte do país, através de um laboratório central, em Braga, e de uma rede de mais de 20 postos de colheita, de Espinho a Vila Verde. O Laboratório Dr. Joaquim Chaves Norte funciona em articulação com o Laboratório Central, em Lisboa, o que lhe confere a capacidade de processar mais de 7 mil parâmetros analíticos, incluindo exames laboratoriais altamente diferenciados, de rotina e de urgência, e de dar uma resposta célere e rigorosa nas áreas das Análises Clínicas, da Genética Médica e da Anatomia Patológica. Além destes serviços, a Joaquim Chaves Saúde conta, ainda, com uma clínica de Radioncologia na cidade do Porto.

A Joaquim Chaves Saúde conta com cerca de 400 postos de análises clínicas a funcionar diariamente em Portugal e tem como missão melhorar o acesso das populações de todo o país a serviços de saúde de qualidade, mantendo o rigor e compromisso que caracterizam o Grupo.

PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Trabalhadores do Hospital de Braga não querem regressar à Parceria Público-Privada

Os trabalhadores do Hospital de Braga não querem regressar à Parceria Público-Privada (PPP), garante Camilo Ferreira, coordenador da Comissão de Trabalhadores, que recordou, em conversa com o HealthNews, a exaustão dos profissionais naquele modelo de gestão e, como Entidade Pública Empresarial (EPE), a melhoria das condições de trabalho e do desempenho.

Menopausa: Uma doença ou um processo natural de envelhecimento?

A menopausa foi o “elefante na sala” que a Médis trouxe hoje ao Tejo Edifício Ageas Tejo. O tema foi abordado numa conversa informal que juntou diversos especialistas. No debate, os participantes frisaram que a menopausa não é uma doença, mas sim um “ciclo de vida”. 

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights