Funcionário do Hospital Garcia de Orta detido por suspeita de roubo de cartões bancários

20 de Fevereiro 2024

Um funcionário do Hospital Garcia de Orta, em Almada, no distrito de Setúbal, foi esta segunda-feira detido por estar “fortemente indiciado” de crimes de furto e de abuso de cartão bancário, anunciou a PSP.

Num comunicado, a PSP especificou que o homem está indiciado dos “crimes de furto e de abuso de cartão de garantia ou de cartão, dispositivo ou dados de pagamento”, alguns destes agravados.

A detenção do homem de 35 anos ocorreu na manhã de segunda pela Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial de Almada, no âmbito de um processo em investigação.

Segundo a PSP, para consubstanciar a prova, foram realizadas quatro buscas, uma domiciliária, à residência do suspeito, e três não domiciliárias, tendo sido apreendidos vários objetos e artigos relacionados com os crimes praticados.

No âmbito da investigação, foi ainda constituída arguida a mulher do detido, por suspeitas de coautoria em alguns dos crimes.

O detido será presente no Tribunal de Almada para primeiro interrogatório judicial.

A agência Lusa pediu mais esclarecimento à Polícia de Segurança Pública sobre quem foi vítima dos roubos, se doentes ou colegas do funcionário em questão, mas até ao momento da publicação da notícia não obteve resposta.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

APDI dedica mês de maio à consciencialização para a Doença Inflamatória do Intestino (DII)

A APDI – Associação Portuguesa da Doença Inflamatória do Intestino, colite ulcerosa, doença de Crohn está a dedicar, mais uma vez, o mês de maio à consciencialização para a Doença Inflamatória do Intestino (DII) seguindo as indicações da EFFCA – Federação Europeia das  Associações de Doença de Crohn e Colite Ulcerosa que neste ano de 2024 escolheu como mote “A  DII não tem fronteiras”.

Nuno Jacinto: “A Medicina Geral e Familiar tem um papel central em todos os sistemas de saúde”

O presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) reforçou a importância da especialidade na promoção da saúde e prevenção da doença. No âmbito do Dia Mundial do Médico de Família, Nuno Jacinto falou ao HealthNews sobre os constragimentos que estes profissionais de saúde enfrentam e dos desafios que os cuidados de saúde primários enfrentam em Portugal.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights