Rússia ultrapassa 100 mil casos de novas infeções e mais de mil mortos

30 de Abril 2020

Moscovo, 30 abr 2020 (Lusa) - A Rússia ultrapassou a marca de 100.000 casos conhecidos de infeção pelo novo coronavírus e registou 1.073 mortes causadas pela covid-19, de acordo com o último relatório das autoridades russas hoje publicado.

Moscovo, 30 abr 2020 (Lusa) – A Rússia ultrapassou a marca de 100.000 casos conhecidos de infeção pelo novo coronavírus e registou 1.073 mortes causadas pela covid-19, de acordo com o último relatório das autoridades russas hoje publicado.

O site de informações do Governo russo sobre o vírus indicou que 106.498 pessoas foram infetadas pelo novo coronavírus, a maioria em Moscovo e nas áreas circundantes.

Um total de 7.099 novos casos foram identificados nas últimas 24 horas, informou a mesma fonte.

É provável que o número de infeções seja muito maior, pois nem todas as pessoas estão a ser testadas e muitos transmitem a doença sem manifestar qualquer sintoma.

Uma grande parte das regiões russas está em confinamento desde o final de março, com os cidadãos em casa e apenas os negócios essenciais a funcionar, como mercearias, farmácias e bancos.

Na terça-feira, o Presidente russo, Vladimir Putin, estendeu o confinamento até 11 de maio e encarregou o Governo de elaborar um plano para reabrir gradualmente o país.

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, apontou que o cronograma para a reabertura dependerá de como o surto continuar a desenvolver-se no país.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 224 mil mortos e infetou mais de 3,1 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Cerca de 890 mil doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 973 pessoas das 24.505 confirmadas como infetadas, e há 1.470 casos recuperados, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Lusa/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

APDI dedica mês de maio à consciencialização para a Doença Inflamatória do Intestino (DII)

A APDI – Associação Portuguesa da Doença Inflamatória do Intestino, colite ulcerosa, doença de Crohn está a dedicar, mais uma vez, o mês de maio à consciencialização para a Doença Inflamatória do Intestino (DII) seguindo as indicações da EFFCA – Federação Europeia das  Associações de Doença de Crohn e Colite Ulcerosa que neste ano de 2024 escolheu como mote “A  DII não tem fronteiras”.

Nuno Jacinto: “A Medicina Geral e Familiar tem um papel central em todos os sistemas de saúde”

O presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) reforçou a importância da especialidade na promoção da saúde e prevenção da doença. No âmbito do Dia Mundial do Médico de Família, Nuno Jacinto falou ao HealthNews sobre os constragimentos que estes profissionais de saúde enfrentam e dos desafios que os cuidados de saúde primários enfrentam em Portugal.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights