NOVA Medical School acolhe startups apoiadas pelo EIT Health que ambicionam mudar o futuro da saúde

A NOVA Medical School (NMS) recebeu, esta quarta-feira, um evento de inovação em saúde que integra a agenda do Healthcare Investor Forum, realizado pelo EIT Health Innostars.

O EIT Health é uma rede colaborativa europeia que integra 280 organizações parceiras best-in-class que compõem o triângulo educação-negócio-inovação, à qual se associam milhares de startups e empreendedores, que partilham conhecimento para responder às maiores necessidades na área da saúde, através de soluções tecnológicas e digitais.

“A participação da NOVA Medical School, através da Universidade NOVA de Lisboa, como parceira na rede EIT Health, demonstra a nossa estratégia e posicionamento: somos uma Escola Médica assente na inovação nos 3 pilares de atuação – educação, investigação e comunidade – que pretende partilhar o seu conhecimento e competências com os principais players internacionais na área da saúde. Temos projetos colaborativos na área da inovação tecnológica, mas pretendemos aumentar este eixo de ação abrindo as portas da NOVA Medical School a outros parceiros e start-ups”, salienta a diretora da NOVA Medical School, Helena Canhão.

“A inovação faz parte do nosso DNA. A organização do Networking Cocktail teve o grande propósito de fomentar colaborações e sinergias entre as instituições académicas, empresas e empreendedores”, acrescenta a subdiretora para a investigação, Patrícia Calado.

No evento, esteve presente o novo diretor regional do EIT Health Innostars, Ferenc Pongracz, acompanhado de vários elementos da equipa de gestão. Participaram 60 convidados de diferentes quadrantes da sociedade, cerca de um terço de outros países europeus.

“A complementaridade de competências é a chave para o sucesso dos ecossistemas de inovação. Todavia, estes ecossistemas querem-se dinâmicos e, por isso, eventos de networking como aqueles que organizámos na NOVA Medical School são cruciais para promover a sustentabilidade e potenciar o impacto dos ecossistemas de inovação, como o EIT Health”, remata Patrícia Calado.

PR/HN/RA

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share This