Angelini Pharma: Olga Insua nomeada Diretora-Geral de Portugal

16 de Janeiro 2024

A Angelini Pharma nomeou a luso-descendente Olga Insua como Diretora-Geral de Portugal ad interim. A nova responsável passa a acumular as novas funções com as de Diretora-Geral da Angelini Pharma em Espanha, cargo que desempenha desde janeiro de 2020.

De acordo com a companhia, Olga Insua assume a liderança das operações em ambas as regiões “para reforçar a presença da Angelini Pharma no mercado ibérico enquanto uma referência nas áreas de brain health, doenças infeciosas, oftalmologia e consumer healthcare.”

Citada em comunicado, Insua afirma: “É uma honra e um desafio entusiasmante estar à frente de Espanha e Portugal em simultâneo. Estou totalmente empenhada em reforçar a posição da companhia em ambos os países, promovendo a inovação, a colaboração e a excelência”.

“Trabalharei incansavelmente para orientar as pessoas que fazem parte da Angelini Pharma em Espanha e Portugal, colocando sempre os doentes no centro da nossa atividade e confiando na cooperação aberta entre todos os intervenientes no ecossistema de saúde para um impacto real na saúde e na qualidade de vida das pessoas”, acrescentou.

Olga substitui Andrea Zanetti, que assumia funções de Diretor Geral da Angelini Pharma em Portugal desde 2019 e que agora passa a ser o Diretor Executivo unidade de negócios global Tachipirina.

Licenciada em Arte, Comunicação e Filologia Portuguesa pela Universidade de Rutgers, em Nova Jérsia (EUA), Insua iniciou a sua carreira na indústria farmacêutica em 1997, na Novartis, nos Estados Unidos, onde passou mais de uma década em várias funções antes de integrar o departamento de Marketing da Novo Nordisk. Em 2012, assumiu a liderança deste departamento a nível global a partir da sede dinamarquesa e, quatro anos depois, mudou-se para Espanha, onde assumiu a direção geral de Marketing do Grupo para o mercado espanhol e português. Desde 2020, Olga Insua lidera a direção geral da Angelini Pharma em Espanha e agora também em Portugal.

PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Álcool mata 2,6 milhões de pessoas por ano

O álcool mata 2,6 milhões de pessoas por ano, alertou hoje a Organização Mundial da Saúde (OMS), considerando que este número permanece “inaceitavelmente elevado”, apesar da descida ligeira que tem registado nos últimos anos.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights