França ultrapassa 21.000 mortos

22 de Abril 2020

Paris, 22 abr 2020 (Lusa) - A França registou 544 mortos nas últimas 24 horas em meio hospitalar e nos lares, perfazendo assim um total de 21.340 mortos desde o início da pandemia, anunciou hoje fonte oficial.

Paris, 22 abr 2020 (Lusa) – A França registou 544 mortos nas últimas 24 horas em meio hospitalar e nos lares, perfazendo assim um total de 21.340 mortos desde o início da pandemia, anunciou hoje fonte oficial.

Os números do avanço do vírus em França foram divulgados hoje na conferência de imprensa diária de Jérôme Salomon, diretor-geral da Saúde.

Desde 01 de março, em meio hospitalar morreram 13.236 pessoas e nos lares foram registados 8.104 óbitos no mesmo período.

Em França há 29.741 pessoas hospitalizadas devido ao novo coronavírus e 5.218 destes pacientes estão nos cuidados intensivos.

Há duas semanas consecutivas que o número de pacientes em estado grave devido a esta doença tem vindo a diminuir. No entanto, Salomon lembrou que para além destes doentes há mais 2.000 pacientes nestas unidades devido a outras doenças e, assim, a pressão continua nos hospitais.

O diretor-geral da Saúde falou ainda do estudo que dá como pista de investigação a nicotina para travar a covid-19, lembrando que se trata apenas de uma possibilidade e desencorajando a população a fumar mais para travar o vírus.

“O que nós sabemos de certeza é que os fumadores apresentam formas graves de covid-19 e o tabagismo a longo prazo pode aumentar a mortalidade nos cuidados intensivos. Não podemos aconselhar a população a ingerir nicotina nem encorajar a que as pessoas fumem”, afirmou.

A nível global, segundo um balanço da AFP, a pandemia de covid-19 já provocou cerca de 179 mil mortos e infetou mais de 2,5 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Mais de 583 mil doentes foram considerados curados.

Lusa/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Obesidade e Cancro: Investir em saúde, para poupar na doença

Prof. Dr. Gil Faria: Cirurgião especialista em Cirurgia da Obesidade e Metabolismo; Coordenador dos Centros de Tratamento da Obesidade do Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos, e do Grupo Trofa Saúde; Professor da FMUP; Investigador clínico na área da Cirurgia Metabólica e Obesidade

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights