Pedro Ferreira Farmacêutico

Cuidados ao sol

06/08/2020

[xyz-ips snippet=”Excerpto”]

Cuidados ao sol

08/06/2020 | Consultório

Na hora de escolher o índice de protecção mais adequado, deverá ter em conta o seu tipo de pele, bem como o fototipo, que indica como a sua pele reage à primeira exposição ao sol. Independentemente disso, recorde-se que, para uma protecção eficaz, o valor nunca deve ser inferior a 30.

Sempre que for à rua, aplique o protector 15 a 30 minutos antes de sair de casa. Na praia, repita a aplicação a cada duas horas, tendo particular atenção ao nariz, lábios e pescoço. Faça-o também se transpirar muito e depois de cada banho de mar, rio ou piscina.
Mesmo protegido, convém evitar a exposição directa aos raios solares por longos períodos de tempo. Sobretudo nas horas mais prejudiciais, entre as 11h e as 17h.

Para garantir que não se esquece, siga a regra da sombra, que nos diz que o risco de dano é menor quando a nossa sombra é maior do que nós.

A roupa pode ser uma aliada na protecção. Para isso, opte por roupas largas de algodão, de preferência as escuras, que reflectem melhor a radiação UV. São também altamente recomendados acessórios com os óculos de sol e os chapéus de aba larga.

Se tem bebés ou crianças pequenas, mantenha-as protegidas, longe do sol.

E não se esqueça: em caso de dúvida, fale com o seu farmacêutico.

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

IPG acolhe polo do Centro de Envelhecimento Ativo

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) vai acolher um polo do Centro de Competências de Envelhecimento Ativo, que irá desenvolver atividades para criar melhores condições de vida aos idosos da região.

UC integra estudo mundial sobre aumento da obesidade

Mais de um bilião de pessoas vivem atualmente com obesidade no mundo, segundo um estudo internacional em que participaram investigadores da Universidade de Coimbra (UC), divulgou a instituição.

Quinze ULS terão equipas dedicadas na área da Saúde Mental

Os primeiros Centros de Responsabilidade Integrados dedicados à Saúde Mental vão arrancar em 15 Unidades Locais de Saúde, numa primeira fase em projeto-piloto e durante 10 meses, segundo uma portaria publicada em Diário da República.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights