México regista 645 mortos nas últimas 24 horas

27 de Novembro 2020

O México registou 645 mortos devido à covid-19 e 8.107 infetados com a doença, nas últimas 24 horas, disseram as autoridades.

Desde o início da pandemia, o número de óbitos subiu para 104.242 e o de casos para 1.258.510.

A covid-19 está a caminho de se tornar a primeira causa de morte no México à medida que se aproxima da diabetes, de acordo com o Instituto de Estatística e Geografia mexicano.

Com estes números, o México continua a ser o 11.º país com mais contágios e o quarto com mais mortes, de acordo com a contagem independente da Universidade norte-americana Johns Hopkins.

A pandemia de covid-19 provocou pelo menos 1.422.951 mortos resultantes de mais de 60,4 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Esclerose Múltipla

Cristiana Lopes Martins, fisiatra nos hospitais de Portimão e Lagos (Unidade Local de Saúde do Algarve) e na Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano; Eduarda Afonso, fisiatra no hospital de Faro (Unidade Local de Saúde do Algarve)

Enfermeiros querem reunir com António Gandra d’Almeida

O Sindicato Nacional dos Enfermeiros (SNE) saudou esta quarta-feira a eleição de António Gandra d’Almeida como novo diretor executivo do Serviço Nacional de Saúde. Em declarações ao nosso jornal, o responsável afirmou que vai solicitar uma reunião com António Gandra d’Almeida e a nova equipa.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights