APDP organiza mesa redonda para debater o cancro da próstata

11 de Outubro 2021

No âmbito da iniciativa “Homens Bem Informados”, a Associação Portuguesa dos Doentes da Próstata (APDP) organiza amanhã, com o apoio da Astellas, uma mesa redonda para debater o cancro da próstata, com dois painéis de especialistas convidados.

O evento tem como tema “Um Olhar Informado Sobre o Cancro da Próstata em Portugal” e será transmitido via streaming na sua página oficial, às 18h30, tendo como objetivo apresentar a campanha europeia “Let’s Talk About Prostate Cancer” e debater a realidade nacional do cancro da próstata.

Amanhã, será feita uma breve contextualização da iniciativa e vários especialistas irão participar em dois debates – o primeiro, sobre “Cancro da Próstata e a realidade nacional: Necessidades e desafios”, com José Graça, representante da Associação Portuguesa de Doentes da Próstata, o Dr. André Mansinho, representante da Sociedade Portuguesa de Oncologia, o Dr. Luís Abranches Monteiro, representante da Associação Portuguesa de Urologia, e um representante da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar; o segundo, sobre “Tornar o Cancro da Próstata uma Prioridade em Portugal”, com o Dr. Luís Campos Pinheiro, representante da Ordem dos Médicos, a Dra. Maria Antónia Santos, presidente da Comissão de Saúde, a Dra. Margarida Oliveira, representante do Infarmed, um representante do PSD e o Dr. José Dinis, diretor do Programa Nacional das Doenças Oncológicas.

A iniciativa “Homens Bem Informados” surgiu a propósito da campanha europeia “Let’s Talk About Prostate Cancer” e tem como rosto o apresentador de televisão Hélder Reis. O objetivo desta campanha passa por sensibilizar a população portuguesa, em especial a masculina, para esta doença, através de conteúdo informativo disponível no site da Astellas e na página de Facebook “Homens Bem Informados”. Nestas plataformas, é possível encontrar informação sobre este tipo de cancro, incluindo sintomas, fatores de risco e formas de diagnóstico.

O cancro da próstata é a segunda principal causa de morte por cancro em homens acima dos 50 anos, sendo que dois em cada 11 homens em Portugal são afetados por esta doença. Em 2020, foram diagnosticados cerca de 7.000 novos casos em Portugal. Atualmente, este cancro é mais letal para os homens do que o cancro da mama para as mulheres, tendo sido responsável por mais de 100.000 mortes na Europa em 2020. Em todo o mundo, surgiram cerca de 1,5 milhões de novos diagnósticos no ano passado.

PR/HN/Rita Antunes

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Trabalhadores do Hospital de Braga não querem regressar à Parceria Público-Privada

Os trabalhadores do Hospital de Braga não querem regressar à Parceria Público-Privada (PPP), garante Camilo Ferreira, coordenador da Comissão de Trabalhadores, que recordou, em conversa com o HealthNews, a exaustão dos profissionais naquele modelo de gestão e, como Entidade Pública Empresarial (EPE), a melhoria das condições de trabalho e do desempenho.

Menopausa: Uma doença ou um processo natural de envelhecimento?

A menopausa foi o “elefante na sala” que a Médis trouxe hoje ao Tejo Edifício Ageas Tejo. O tema foi abordado numa conversa informal que juntou diversos especialistas. No debate, os participantes frisaram que a menopausa não é uma doença, mas sim um “ciclo de vida”. 

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights