“Casa aberta” disponível para vacinação de pessoas acima dos 45 anos

26 de Janeiro 2022

A modalidade de vacinação “casa aberta” está desde hoje disponível para pessoas com 45 ou mais anos que tenham o esquema vacinal primário contra a Covid-19 há mais de cinco meses, anunciaram os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde.

As pessoas com 30 ou mais anos vacinadas com a vacina da Janssen há 90 ou mais dias também podem deslocar-se ao centro de vacinação sem necessidade de qualquer tipo de marcação ou contacto prévio, adiantam os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS) em comunicado.

“Adicionalmente, está também disponível a modalidade ‘casa aberta’ mediante senha digital para os grupos prioritários de vacinação, nomeadamente magistrados e elementos do sistema judicial, estudantes dos cursos de saúde (mediante declaração do estabelecimento de ensino superior) e cidadãos das mesas de voto do processo eleitoral e respetivos elementos auxiliares”, acrescentam.

Nos grupos prioritários de vacinação estão também incluídos os profissionais da Polícia de Segurança Pública (PSP), Guarda Nacional Republicana (GNR), Polícia Judiciária (PJ) e Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), comunidade universitária (estrutura docente e apoio) e pessoas com comorbilidades, elegíveis para esta fase da vacinação, portadoras de declaração médica.

Para usufruírem do sistema de senha digital da modalidade “casa aberta” os utentes devem solicitar uma senha no dia em que pretenderem ser vacinados.

No portal Covid-19, deverá ser preenchido um formulário, sendo posteriormente enviada para o telemóvel uma senha digital com o respetivo número e hora prevista.

No centro de vacinação, os utentes devem apresentar um documento comprovativo da profissão que exercem, explicam os SPMS.

Quase 4,5 milhões de pessoas já receberam a dose de reforço da vacina contra a Covid-19, cerca de 70 mil das quais na segunda-feira, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

O último relatório diário da DGS indica que 4.483.244 pessoas já foram vacinadas com o reforço da imunização contra o coronavírus SARS-CoV-2, entre as quais 607.715 idosos com 80 ou mais anos, que representam 92% deste grupo etário.

 A Covid-19 provocou 5.602.767 mortes em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Trabalhadores do Hospital de Braga não querem regressar à Parceria Público-Privada

Os trabalhadores do Hospital de Braga não querem regressar à Parceria Público-Privada (PPP), garante Camilo Ferreira, coordenador da Comissão de Trabalhadores, que recordou, em conversa com o HealthNews, a exaustão dos profissionais naquele modelo de gestão e, como Entidade Pública Empresarial (EPE), a melhoria das condições de trabalho e do desempenho.

Governo quer “articulação virtuosa” entre entidades de saúde

O Governo está a avaliar as atribuições de entidades como a Direção-Executiva do SNS, a DGS e o Infarmed para garantir “uma articulação virtuosa” que consiga diminuir a burocracia e concretizar as políticas de saúde, anunciou hoje a ministra.

Menopausa: Uma doença ou um processo natural de envelhecimento?

A menopausa foi o “elefante na sala” que a Médis trouxe hoje ao Tejo Edifício Ageas Tejo. O tema foi abordado numa conversa informal que juntou diversos especialistas. No debate, os participantes frisaram que a menopausa não é uma doença, mas sim um “ciclo de vida”. 

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights