Mais de 13 mil pessoas receberam reforço da vacina na terça-feira

24 de Fevereiro 2022

O reforço da vacinação contra a Covid-19 chegou a mais 13.363 pessoas na terça-feira, ascendendo o total a 5.872.019 doses, informou a Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o relatório diário da DGS, referente a terça-feira, no total do programa de vacinação, 8.895.902 pessoas, mais 1.519 do que na segunda-feira, têm vacinação primária completa desde que arrancou o plano de imunização contra a Covid-19 em 27 de dezembro de 2020.

Com a vacinação primária completa, na faixa dos 5 aos 11 anos, estão agora 83.797 (mais 22) crianças e 330.026 (mais 26) já receberam a primeira dose, indica ainda a DGS.

De acordo com o boletim diário da DGS, foram vacinados até terça-feira com a dose para reforçar a imunização contra o coronavírus SARS-CoV-2 um total de 622.446 idosos com 80 ou mais anos, que representam 94% deste escalão etário, assim como 934.485 pessoas entre os 70 e os 79 anos (97%).

De acordo com os dados hoje divulgados, 1.139.696 pessoas entre os 60 e 69 anos (91%) já estão vacinadas com o reforço, bem como 1.127.852 entre os 50 e 59 anos (80%), 963.962 entre os 40 e 49 anos (65%), 574.258 entre os 30 e 39 anos (38%) e 509.319 entre os 18 e os 29 anos (41%).

O boletim da DGS indica ainda que 2.595.685 pessoas, mais 564 do que na segunda-feira, já receberam a vacina contra a gripe sazonal.

A Covid-19 provocou pelo menos 5.904.193 mortos em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse.

Em Portugal, desde março de 2020, morreram 20.922 pessoas e foram contabilizados 3.219.439 casos de infeção, segundo a última atualização da Direção-Geral da Saúde.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China.

A variante Ómicron, que se dissemina e sofre mutações rapidamente, tornou-se dominante no mundo desde que foi detetada pela primeira vez, em novembro, na África do Sul.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Ministério avalia propostas das ordens nos próximos dois meses

O Governo vai avaliar nos próximos dois meses as propostas apresentadas hoje à ministra da Saúde pelas ordens profissionais, que demonstraram preocupação com a resposta assistencial do Serviço Nacional de Saúde (SNS), anunciou hoje a ministra.

Doenças evitáveis por vacinação estão a aumentar na Europa

As doenças evitáveis por vacinação estão a aumentar nos países da União Europeia (UE) e do Espaço Económico Europeu (EEE), alertou esta segunda-feira o Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC) no âmbito da Semana Europeia da Vacinação.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights