“É uma Bronquiolite, e agora?” dá a conhecer o RSV aos pais e cuidadores em Portugal

“É uma Bronquiolite, e agora?” é uma iniciativa de sensibilização direcionada a pais e cuidadores, lançada hoje com o objetivo de aprofundar e aumentar a informação disponível sobre o vírus sincicial respiratório (RSV).

Esta iniciativa da Sanofi procura proporcionar uma compreensão mais abrangente sobre o impacto do RSV nas crianças e nas famílias e contribuir para uma comunidade de pais e prestadores de cuidados mais informada e capacitada a partilhar as suas experiências e a tomar medidas que visem proteger os bebés e as crianças.

O início desta iniciativa coincide com o habitual começo da época de maior circulação do RSV. Com o regresso aos infantários, regressam também as doenças transmissíveis, nomeadamente as infeções respiratórias, existindo, por isso, a necessidade de alertar os pais/cuidadores sobre este vírus e sobre as medidas preventivas.

O RSV é responsável por cerca de 60 a 80% dos casos de bronquiolite infantil e 40% dos casos de pneumonia pediátrica a nível global. Destes números, a bronquiolite aguda é a causa de cerca de 20% dos internamentos em crianças abaixo dos dois anos de idade, e o RSV é o principal agente responsável por estes internamentos.

Esta campanha vai decorrer entre os meses de setembro e dezembro e conta com o lançamento da página JuntosContraoRSV.pt e a promoção de quatro lives no Instagram pediatria.para.todos, com a participação de especialistas na área médica, como o pediatra Hugo Rodrigues e a médica de Medicina Geral e Familiar Margarida Santos, e de nomes conhecidos, como Helena Costa, Núria Madruga e Catarina Raminhos, que irão partilhar as suas experiências enquanto mães de crianças que tiveram bronquiolite. Em paralelo, haverá uma campanha a decorrer nos principais espaços de comunicação online e offline, onde serão transmitidas mensagens sobre prevenção, sintomas e diagnóstico.

“O compromisso da Sanofi para com a saúde pública tem ajudado a proteger centenas de milhões de pessoas todos os anos e, nesse sentido, continuamos determinados em desenvolver medicamentos e vacinas com potencial para melhorar a vida dos doentes e das suas famílias. Sabemos que muitos pais nunca ouviram falar sobre RSV e esta iniciativa revela-se de extrema importância, na medida em que procura informar os cuidadores sobre este vírus, transmissão e as suas consequências, mostrando que a imunização é a melhor opção para prevenir infeções e contágios no seio da comunidade”, explica Helena Freitas, country lead da Sanofi Portugal.

PR/HN/RA

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Share This