teatro
Morre a atriz Maria João Abreu

Morre a atriz Maria João Abreu

A atriz Maria João Abreu, que morreu esta quinta-feira, aos 57 anos, iniciou a carreira profissional no teatro, uma paixão que nunca abandonou, mas foi a televisão que lhe granjeou a popularidade, graças a produções como “Médico de família”.

Número total de mortos na Alemanha ultrapassou os 30 mil

As autoridades alemãs reportaram esta segunda-feira 348 mortes por Covid-19, referentes às últimas 24 horas, ultrapassando-se os 30 mil óbitos por SARS CoV-2 ao alcançar-se um total de 30.126 vítimas mortais.

Marcelo lamenta morte do “ator de quem todos gostávamos”

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, apresentou hoje as condolências à família de Pedro Lima, “o ator de quem todos gostávamos”, que deixou “sempre uma imagem de ator disponível e de colega generoso”.

ÚLTIMAS

Guadalupe Simões: Quantidade de atos “não se traduz em acompanhamento com a qualidade e segurança que qualquer pessoa deverá exigir”

Esta sexta-feira, Guadalupe Simões, dirigente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses, criticou a escolha do Governo de pagar pela quantidade de atos. “Quando o Governo diz que dá incentivos ou que dá suplementos financeiros se fizerem mais intervenções cirúrgicas, se tiverem mais doentes nas listas, se operarem mais doentes no âmbito dos programas do SIGIC, se, se, se, está sempre a falar de quantidade de atos, que não se traduz em acompanhamento das pessoas com a qualidade e segurança que qualquer pessoa deverá exigir”, explicou ao HealthNews.

Guadalupe Simões: “Reunião apenas serviu para o Ministério da Saúde promover essa chantagem tentando que nós suspendêssemos a greve”

A reunião entre o Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP) e o Ministério da Saúde “correu muito mal”. Na quinta-feira, “o Ministério da Saúde procurou chantagear o sindicato dizendo que só negociava se a greve fosse suspensa”, contou ao HealthNews Guadalupe Simões, dirigente do SEP, que, por esse motivo, pelos enfermeiros, pelos doentes e pelo SNS, espera que haja uma forte adesão à greve nacional de 2 de agosto.

MAIS LIDAS

OPINIÃO

Prémio de Investigação Noémia Afonso recebe trabalhos até 31 de julho

Prémio de Investigação Noémia Afonso recebe trabalhos até 31 de julho

O Prémio de Investigação Noémia Afonso, promovido pela Sociedade Portuguesa de Senologia (SPS), anunciou a extensão do prazo de envio dos trabalhos até 31 de julho de 2024. A iniciativa tem como objetivo incentivar a cultura científica e fomentar a investigação clínica na área do cancro da mama.

Verified by MonsterInsights