Seis crianças feridas em colisão com autocarro escolar em Arcos de Valdevez

4 de Maio 2021

A colisão envolvendo um autocarro escolar e duas viaturas ligeiras em Cabana Maior, em Arcos de Valdevez, fez esta terça-feira oito feridos ligeiros, seis crianças e dois adultos, e cortou a Estrada Nacional (EN) 202, disse fonte do INEM.

Segundo a fonte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), as vítimas sofreram ferimentos ligeiros.

Contactado pela agência Lusa, o presidente da Junta de Freguesia de Cabana Maior, Joaquim Campos, disse que o autocarro “transportava cerca de 30 crianças de várias freguesias (Soajo e Gavieira) que iam para o centro escolar no centro da vila de Arcos de Valdevez”.

Segundo o autarca, que se deslocou ao local do acidente, “as crianças sofreram ferimentos ligeiros, mas estavam muito assustadas”.

“Algumas bateram com a cara, sem gravidade, estavam sobretudo em pânico”, disse.

O autarca adiantou que “um dos dois adultos feridos é o condutor da viatura que colidiu com o autocarro”.

“É um funcionário da equipa de sapadores do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF), com cerca de 50 anos. Estive a falar com ele e disse-me que ficou encadeado pelo sol e, como o acidente ocorreu numa curva, não conseguiu ver. O homem queixava-se de dores nas costas, mas estava bem. Teve de ser desencarcerado por ter sido operado recentemente à coluna e os bombeiros não arriscaram danos maiores”, especificou.

Segundo Joaquim Campos, “do casal que seguia na segunda viatura envolvida no acidente apenas uma jovem de 20 anos, que seguia ao lado do condutor, ficou ferida na cara, mas aparentemente sem gravidade”.

“Bateu com a cabeça no vidro do carro e sangrava um pouco”, disse o autarca.

Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Viana do Castelo disse que o acidente ocorreu às 07:54.

Segundo a fonte do CDOS, a EN202 está cortada desde as 08:21 nos dois sentidos.

No local, pelas 09:29, encontravam-se 20 operacionais e oito viaturas.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Escutismo e Enfermagem: a semente que deu fruto

Lara Cunha, Enfermeira Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica, Research Fellow na Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

Prémio de Investigação Noémia Afonso recebe trabalhos até 31 de julho

O Prémio de Investigação Noémia Afonso, promovido pela Sociedade Portuguesa de Senologia (SPS), anunciou a extensão do prazo de envio dos trabalhos até 31 de julho de 2024. A iniciativa tem como objetivo incentivar a cultura científica e fomentar a investigação clínica na área do cancro da mama.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights