08/08/2022 | Consultório

COMO SE VER LIVRE DO CÓDIGO DE BARRAS

Dra. Ana Silva Guerra, cirurgia plástica reconstrutiva e estética

As rugas verticais que marcam o lábio superior estão definitivamente associadas ao envelhecimento.

As sete questões que se seguem, ajudam a compreender melhor este tipo de rugas e o tratamento através de preenchimento

1 – O que são as rugas “código de barras” e quando começam a surgir?
As rugas que se instalam ao redor dos lábios, sobretudo do lábio superior, são conhecidas por código de barras e resultam dos movimentos repetidos por nós realizados sempre que comemos, falamos ou quando expressamos emoções.

Por volta dos 30 anos, as rugas são superficiais e impercetíveis, só aparecem quando a boca mexe, mas, com o tempo, o fotoenvelhecimento, o tabaco, as rugas dinâmicas dão lugar às rugas estáticas, ou seja, já se vêm mesmo quando estamos em repouso.

2 – É possível eliminar estas rugas naturalmente?
Não, só mesmo recuperando a elasticidade da pele, e hidratando em profundidade a ruga com ácido hialurónico, ou seja preenchendo-a para que deixe de ser percetível.

3 – Como é que funciona o tratamento através do preenchimento?
O tratamento é simples: com anestesia local (um creme ou uma anestesia semelhante àquela que conhecemos do dentista) o ácido hialurónico é aplicado com suavidade, de forma a não deixar marcas ou nódoas negras.

4 – Este procedimento necessita de anestesia?
Normalmente sim, para não provocar nenhum desconforto.

5 – É um procedimento doloroso?
Com o apoio da anestesia o procedimento é perfeitamente indolor.

6 – Vou ficar com um ar “artificial”?
Este é um receio muito comum, uma vez que, quando não é realizado da forma correta este procedimento pode causar volume exagerado dado à periferia da boca um aspeto pouco natural. Quando é realizado com o ácido hialurónico específico e com a técnica adequada, este efeito exagerado não acontece e a boca e a sua periferia mantém um ar natural, cuidado e rejuvenescido.

7 – Quanto tempo demora o procedimento?
O procedimento dura cerca de 15 minutos. No dia seguinte, pode haver algum inchaço, ainda que ligeiro mas passa até ao fim desse dia. Não interfere com a vida quotidiana da paciente, que pode retomar imediatamente as suas atividades profissionais.

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Share This