Gilead lança a campanha de sensibilização dedicada ao cancro da mama triplo-negativo

19 de Outubro 2023

No Mês Internacional de Prevenção do Cancro da Mama, a Gilead Sciences lançou a campanha "Conhecer o Cancro da Mama Triplo-Negativo (CMTN)", uma campanha que pretende falar abertamente a patologia.

De acordo com a Gilead, a iniciativa disponibiliza vários testemunhos, informações e recursos relevantes “para ajudar as pessoas diagnosticadas a perceber melhor a doença, lidar com o seu diagnóstico, gerir as suas emoções e partilhá-las com quem as rodeia.”

“Conhecer o CMTN” é o mote da campanha que para além do site, que servirá de base a todos os conteúdos, contará com um plano de comunicação digital em formato display presente em sites de lifestyle, moda e beleza, dedicados maioritariamente ao público feminino e com a presença de banners em meios especializados dirigidos a profissionais de saúde.

A divulgação será ainda alargada a alguns eventos dedicados ao cancro da mama que terão lugar durante o mês de outubro.

A campanha disponibiliza várias rúbricas, como por exemplo, “Facto ou Mito” que tem como objetivo desmistificar algumas crenças sobre esta doença, ou “Conversas sobre CMTN” que pretende promover as conversas em torno do impacto emocional que um diagnóstico como este pode ter.

No “Conhecer o CMTN” é possível encontrar ainda vídeos de Sofia Braga, Oncologista do Hospital Doutor Fernando da Fonseca e Hospitais da CUF, que clarificam e explicam alguns aspetos importantes sobre esta doença.

O cancro da mama é o cancro mais comum nas mulheres em Portugal, com mais de 8.000 novos casos em Portugal registados em 2019. O cancro da mama triplo-negativo representa cerca de 15% de todos os cancros da mama, sendo mais comum em mulheres com menos de 50 anos na pré-menopausa.

PR/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

APAH defende autonomia após ministra anunciar auditoria

 A Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH) defendeu hoje autonomia para as administrações tomarem decisões, depois de a ministra da Saúde anunciar a criação de uma comissão para auditar os conselhos de administração dos hospitais.

Enfermeiros denunciam situação “explosiva” na Linha SNS 24

A Linha SNS 24 vive uma situação “explosiva” e, entre os enfermeiros que prestam serviço nesta linha de atendimento, já se fala em paralisação. A denúncia é feita pelo Sindicato dos Enfermeiros (SE), que teve conhecimento do caso por meio de uma exposição dos enfermeiros que ali prestam serviço, em tempo parcial.

Violência contra a pessoa idosa em debate

A Câmara Municipal de Ponta Delgada (São Miguel, Açores) promove na próxima sexta-feira, às 9h30, uma palestra subordinada ao tema da consciencialização da violência contra a pessoa idosa, isto na véspera do dia mundial que lhe é dedicado pela Organização das Nações Unidas.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights