reações adversas

Inês Vaz: “Dependemos dos profissionais de saúde que estão no terreno para descobrirmos reações adversas a medicamentos”

O avanço indiscutível dos meios farmacológicos para a prevenção e terapêutica de múltiplas doenças tem permitido a promoção da saúde das populações. Mas tal como diz o Prof. Jorge Polónia “não há bela sem senão” e “quanto mais potentes são os medicamentos e mais vulneráveis são os doentes, maiores são os riscos de reações adversas”. Foi por este motivo que a farmacovigilância foi tópico trazido ao ciclo de conversas médicas conduzidas pelo professor catedrático. O episódio contou com a participação de Profª Inês Vaz, especialista na área e colaboradora da Agência Europeia do Medicamento. A responsável salientou o papel dos médicos, enfermeiros e farmacêuticos na notificação de reações adversas a medicamentos. 

Infarmed apela à notificação de reações adversas

O Infarmed apelou hoje à população para notificar reações adversas a medicamentos, no âmbito de uma campanha que envolve reguladores de 85 países e que pretende melhorar a segurança dos fármacos.

Médicos britânicos alertam para excesso de mortalidade em jovens e pedem a suspensão da vacina

Médicos britânicos alertam para excesso de mortalidade em jovens e pedem a suspensão da vacina

Um grupo de 90 médicos e cientistas britânicos escreveram esta semana uma carta aberta dirigida à Comissão Conjunta de Vacinação e Imunização, ao Diretor Geral da Saúde (CMO) e ao primeiro-ministro britânico, alertando para o excesso de mortalidade em rapazes entre os 15 e os19 anos no Reino Unido desde que começou o programa de vacinação. Os especialistas pedem a suspensão da vacina contra a Covid-19 nesta faixa etária.

Portugal regista 15.922 reações adversas às vacinas

Portugal regista 15.922 reações adversas às vacinas

Mais de 15.900 suspeitas de reações adversas às vacinas contra a Covid-19 foram notificadas em Portugal, das quais 5.929 foram classificadas como graves e que incluem 85 casos de morte em idosos, segundo dados do Infarmed.

ÚLTIMAS

FNAM aponta quatro prioridades para reunião com o Governo

A presidente da Federação Nacional dos Médicos (FNAM) identificou hoje os salários, as 35 horas semanais, a integração dos médicos internos na carreira e as progressões como prioridades para o encontro da próxima sexta-feira com o Governo.

MAIS LIDAS

OPINIÃO

FNAM aponta quatro prioridades para reunião com o Governo

FNAM aponta quatro prioridades para reunião com o Governo

A presidente da Federação Nacional dos Médicos (FNAM) identificou hoje os salários, as 35 horas semanais, a integração dos médicos internos na carreira e as progressões como prioridades para o encontro da próxima sexta-feira com o Governo.

Verified by MonsterInsights