Estudante da Maia é a primeira vencedora do concurso da Hovione

1 de Julho 2020

A estudante Inês Rebelo, de 17 anos, aluna do 12.º ano da Escola Secundária de Águas-Santas, na Maia, é a primeira vencedora do concurso de vídeo ABCovid. A iniciativa organizada por uma equipa de estagiários da Hovione consiste na criação de vídeos com a duração de um minuto que promovam informação sobre cuidados de prevenção no contexto escolar.

O vídeo vencedor, premiado num montante de 350 euros, tem como tema “Uma nova realidade com o Covid-19 – como te protegeres a ti e aos outros à tua volta“. O vídeo é uma animação sobre o que é e como se previne o contágio do novo coronavírus, estando disponível Aqui.

Os jurados do concurso atribuíram ainda duas menções honrosas aos vídeos de Vítor Alexandre de Sousa Carriço Boquinhas, do Centro Educativo e do Desenvolvimento D. Maria Pia da Casa Pia de Lisboa, com o título “todos juntos somos mais fortes“, e Matilde Pais, da Escola Secundária do Restelo, em Lisboa, “Covid-19 a nova realidade“.

A participação no concurso é exclusiva a estudantes do ensino secundário e básico entre 10 e 20 anos. Todas as semanas são seleccionados os 10 melhores vídeos com que cumpram os requisitos e abordem conselhos sobre como viver com o vírus de forma de forma segura. O melhor vídeo é premiado com 350 euros.

No dia 21 de Setembro o júri nacional do prémio, que integra os investigadores Alexandre Quintanilha, do I3S, Pedro Simas, do IMM, e Mafalda Paiva, da Hovione, mais o instagramer Lourenço Copeto e a youtuber Sofia Barbosa, avaliará a seleção dos 100 trabalhos finalistas. Os três melhores trabalhos vão ser premiados. Quem ficar em primeiro lugar vai receber um prémio de 3 mil euros e ao segundo e terceiro classificados 1.500 euros e mil euros, respetivamente.

A equipa que gere o projeto é composta unicamente por estagiários da Hovione, supervisionada pela multinacional portuguesa que apoia e financia este projeto. A iniciativa visa promover dinâmica informativa que permita a alunos – autores dos vídeos a concurso -, professores e auxiliares viverem este período com mais e melhor informação sobre os comportamentos a adotar para evitar riscos e reduzir a propagação da Covid-19.

PR/HN/Vaishaly Camões

 

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Dois anos depois, acesso ao aborto divide Estados Unidos ao meio

A decisão do Supremo Tribunal dos Estados Unidos de revogar o direito federal ao aborto, tomada há dois anos, dividiu profundamente o país no que diz respeito ao acesso a cuidados de saúde. Atualmente, em 21 estados norte-americanos, o procedimento é ilegal ou restrito.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights