União Europeia registou quase 300 mil mortes em excesso entre março e outubro de 2020

20 de Janeiro 2021

A União Europeia (UE) registou quase 300 mil mortes em excesso entre março e outubro de 2020 quando comparado com a média do mesmo período entre 2016 e 2019, com o pico no mês de abril, em que morreram mais 25% de pessoas.

A mortalidade em excesso, medida a partir da média dos três anos anteriores, foi díspare ao longo de 2020 entre os estados-membros, com Portugal a atingir picos nos meses de julho e novembro, de acordo com dados estatísticos divulgados hoje pela Comissão Europeia, em que se contam 297.500 mortes em excesso na UE entre março e outubro.

Em julho, a mortalidade em Portugal foi 25,3% superior ao período homólogo de referência, muito acima da média europeia de mortalidade em excesso para esse mês, que ficou nos 2,9%, enquanto em novembro a mortalidade em excesso em Portugal voltou a disparar para 25,5% acima da média dos três anos anteriores.

O pico de mortalidade em abril nos 27 países da União coincidiu com a primeira vaga da pandemia da Covid-19, assinala a Comissão.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

AlmadaCare promove cursos para preparar futuros papás

A Clínica AlmadaCare, recentemente inaugurada, está comprometida em apoiar os futuros pais na preparação para a chegada dos seus filhos. É com este objetivo que a clínica promove o workshop “GPS Amamentação”, no dia 19 de abril, e o curso “T.I.M.E. para Nascer”, nos dias 21 e 27 de abril.

Ministra da Saúde solicita relatório sobre mudanças implementadas na área da Saúde

De acordo com o Expresso, a Ministra da Saúde, Ana Paula Martins, emitiu um despacho a solicitar à DE-SNS um relatório detalhado sobre as mudanças implementadas desde o início do mandato de Fernando Araújo. O objetivo é obter informações sobre as recentes alterações levadas a cabo pela DE-SNS e compreender melhor o modelo de Unidade Local de Saúde.

ESEnfC realiza hoje Encontro Anual do Programa de Doutoramento em Enfermagem

Arnaldo Santos e Gabriele Meyer estão hoje na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), onde falarão, respetivamente, sobre “Liderar em ciência: processos e dinâmicas de cocriação na era global e digital” (14h30) e “Passado, Presente e Futuro das Ciências de Enfermagem” (15h30).

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights