Estrangeiros impedidos de entrar na República Checa

30 de Janeiro 2021

A República Checa anunciou que a partir de hoje irá fechar as suas fronteiras a estrangeiros, de qualquer proveniência, no âmbito do esforço para conter a pandemia de covid-19. 

De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros checo, serão abertas exceções para deslocações essenciais para aqueles que trabalhem ou estudem no país, e ainda no caso de entradas para visitar parentes e lares de idosos, receber cuidados médicos e participar em casamentos e funerais.

O Governo checo tem vindo a impor medidas mais rigorosas para contenção da pandemia, nomeadamente limitações de contactos e de deslocações internas.

Depois de atingir um máximo diário de 18 mil novos casos de coronavírus a 6 de janeiro, o total de infeções no país recuou ligeiramente, mas voltou a subir novamente esta semana.

O Governo checo está particularmente preocupado com o impacto da nova variante detetada na Inglaterra de covid-19, que os estudos indicam ser mais contagiosa, sobre o sistema de saúde do país, que se encontra sob pressão há vários meses.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.191.865 mortos resultantes de mais de 101 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.886 pessoas dos 698.583 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

APAH defende autonomia após ministra anunciar auditoria

 A Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH) defendeu hoje autonomia para as administrações tomarem decisões, depois de a ministra da Saúde anunciar a criação de uma comissão para auditar os conselhos de administração dos hospitais.

Enfermeiros denunciam situação “explosiva” na Linha SNS 24

A Linha SNS 24 vive uma situação “explosiva” e, entre os enfermeiros que prestam serviço nesta linha de atendimento, já se fala em paralisação. A denúncia é feita pelo Sindicato dos Enfermeiros (SE), que teve conhecimento do caso por meio de uma exposição dos enfermeiros que ali prestam serviço, em tempo parcial.

Violência contra a pessoa idosa em debate

A Câmara Municipal de Ponta Delgada (São Miguel, Açores) promove na próxima sexta-feira, às 9h30, uma palestra subordinada ao tema da consciencialização da violência contra a pessoa idosa, isto na véspera do dia mundial que lhe é dedicado pela Organização das Nações Unidas.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights