Mais 61 internados, 26.419 novos infetados e 22 mortes

9 de Janeiro 2022

O boletim epidemiológico diário da DGS regista um aumento de pessoas internadas, contabilizando hoje 1599 internamentos, mais 64 do que ontem, 150 dos quais em unidades de cuidados intensivos (menos três nas últimas 24 horas).

Os casos ativos voltaram a aumentar nas últimas 24 horas, totalizando 273.961, mais 15639 do que no sábado, e recuperaram da doença 10758 pessoas, o que aumenta o total nacional de recuperados para 1.346.772.

Das 22 mortes, 11  em Lisboa e Vale do Tejo, 4 na Região Norte, Duas no Centro 2 no Alentejo, outras tantqas no Algarve e uma na REgião Autónoma da Madeira.

Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a região com mais novos casos diagnosticados nas últimas 24 horas, num total de 11.370, seguindo-se o Norte (9.516), o Centro (2.640), a Alentejo (885), o Algarve (698), o Alentejo (1.024) e os Açores (286).

Em relação ao dia anterior, as autoridades de saúde têm mais 6.404 contactos em vigilância, totalizando 224.673 pessoas.

DGS/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

PCP apresenta medidas para “inverter a degradação” do SNS

O PCP apresentou esta sexta-feira algumas medidas urgentes para “inverter a degradação” do Serviço Nacional de Saúde (SNS), criticando as “políticas de vários governos” de PS, PSD e CDS, que abriram “caminho para a destruição” daquele serviço público.

DE-SNS mantém silêncio perante ultimato da ministra

Após o Jornal Expresso ter noticiado que Ana Paula Martins deu 60 dias à Direção Executiva do SNS (DE-SNS) para entregar um relatório sobre as mudanças em curso, o HealthNews esclareceu junto do Ministério da Saúde algumas dúvidas sobre o despacho emitido esta semana. A Direção Executiva, para já, não faz comentários.

ULS de Braga celebra protocolo com Fundação Infantil Ronald McDonald

A ULS de Braga e a Fundação Infantil Ronald McDonald assinaram ontem um protocolo de colaboração com o objetivo dar início à oferta de Kits de Acolhimento Hospitalar da Fundação Infantil Ronald McDonald aos pais e acompanhantes de crianças internadas nos serviços do Hospital de Braga.

FNAM lança aviso a tutela: “Não queremos jogos de bastidores nem negociatas obscuras”

A Federação Nacional dos Médicos (FNAM) disse esta sexta-feira esperar que, na próxima reunião com o Ministério da Saúde, “haja abertura para celebrar um protocolo negocial”. Em declarações ao HealthNews, Joana Bordalo e Sá deixou um alerta à ministra: ” Não queremos jogos de bastidores na mesa negocial. Não queremos negociatas obscuras.”

SNE saúda pedido de relatório sobre mudanças implementadas na Saúde

O Sindicato Nacional dos Enfermeiros (SNE) afirmou, esta sexta-feira, que vê com “bons olhos” o despacho, emitido pela ministra da Saúde, que solicita à Direção-Executiva do Serviço Nacional de Saúde (DE-SNS) um relatório do estado atual das mudanças implementadas desde o início de atividade da entidade.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights