SIM: Plano de Emergência com “algumas respostas” e “medidas utópicas”

29 de Maio 2024

 O Sindicato Independente dos Médicos (SIM) considera que o Plano de Emergência da Saúde hoje apresentado pelo Governo tem “algumas respostas” mas também “medidas utópicas”, sem contemplar melhorias na grelha salarial.

“Achamos que o plano tem medidas que fazem sentido e outras utópicas. Mas que serão sempre complementares ao que precisamos: melhor grelha salarial e avaliação de desempenho” dos médicos, disse à Agência Lusa o secretário-geral do SIM, Nuno Rodrigues.

O Governo apresentou hoje um Plano de Emergência da Saúde, que contempla medidas como a criação de centros de atendimento clínico para atender situações agudas de menor complexidade e urgência, a criação de 20 unidades de saúde familiar para 180 mil utentes, atribuição de incentivos para cirurgias oncológicas ou um canal de atendimento direto para grávidas.

Como positivo o responsável destacou o reforço das convenções na área da obstetrícia, porque os valores pagos que eram um entrave a realização de ecografias, simplificação de situações burocráticas ou incentivos à adesão ao regime voluntário de carteira adicional de utentes.

Na parte negativa Nuno Rodrigues questionou a criação de centros de atendimento clínico, por não entender que profissionais vão trabalhar nesses centros. A falta de profissionais é também o motivo pelo qual coloca em causa o reforço de serviços como a teleconsulta.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Relatório de saúde STADA 2024: sistemas de saúde na Europa precisam de reformas urgentes

Os sistemas de saúde europeus estão em crise e necessitam de uma reforma urgente, revela o Relatório de Saúde da STADA 2024. Este inquérito representativo, que envolveu cerca de 46.000 entrevistados em 23 países europeus, destaca que os sistemas de saúde não conseguem atender adequadamente às necessidades de muitos europeus, levando-os a assumir a responsabilidade pela sua própria saúde.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights