Parlamento Europeu
Jovens farmacêuticos debatem futuro da UE com candidatos ao Parlamento Europeu

Jovens farmacêuticos debatem futuro da UE com candidatos ao Parlamento Europeu

A Associação Portuguesa de Jovens Farmacêuticos (APJF) vai reunir os candidatos ao Parlamento Europeu para debater o futuro da União Europeia (UE), “naquilo que se espera ser uma plataforma de partilha das principais ideias e propostas dos diferentes partidos políticos”, diz a organização. A conferência “O Futuro do Projeto Europeu” está marcada para o próximo dia 20 de maio, em formato virtual, pelas 17h30.

Sara Cerdas distinguida como eurodeputada “em ascensão” pela The Parliament Magazine

Sara Cerdas: “Não basta dizer que somos contra uma doença e ‘atirar’ todo o financiamento para o tratamento”

No Dia Mundial do Cancro, que se assinala hoje, o HealthNews quis afastar-se um pouco de Portugal e olhar para a política europeia. Afinal, como frisou a eurodeputada Sara Cerdas, “70 a 80% da legislação portuguesa advém da legislação europeia”. É importante “ultrapassamos toda aquela espuma do dia, das dívidas, de financiamentos, etc. Importa perceber, por exemplo, o que significa este novo regulamento da diretiva da qualidade do ar”. Para a médica de Saúde Pública e deputada do PS, “é uma frustração não termos políticas baseadas na melhor evidência científica, porque a direita não permitiu. Não permitiu que se proibissem sabores atrativos nos novos produtos de tabaco em 2020, não permitiu balizar o consumo de álcool.”

Estado da diabetes na UE discutida no Parlamento Europeu

Estado da diabetes na UE discutida no Parlamento Europeu

A Federação Internacional da Diabetes (IDF) promoveu esta segunda-feira uma discussão no Parlamento Europeu sobre o estado da doença na União Europeia, alertando para a necessidade de serem discutidos novos e inovadores modelos de prestação de cuidados. O debate contou com a participação do diretor clínico da Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal (APDP).

ÚLTIMAS

O Valor da Incerteza

Lara Cunha: Enfermeira Especialista em Enfermagem Médico-cirúrgica; Research Fellow na Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

João Rocha: “Não é possível ter empresas ou hospitais desenvolvidos se não tivermos uma base forte na infraestrutura científica”

“Apenas gostaria de salientar que é necessário investir em ciência no país para que se possa desenvolver investigação de nível internacional. Que esse investimento em ciência aconteça, porque não está a acontecer como devia. (…) Tem de ser uma prioridade porque sem essa prioridade o país não será competitivo no mundo moderno. Não é possível ter empresas ou hospitais desenvolvidos se não tivermos uma base forte na infraestrutura científica”, afirmou o coordenador do Centro Português de Ressonância Magnética Nuclear, entrevistado na sequência da inauguração desta nova infraestrutura da Universidade de Aveiro, que aloja um equipamento único na Península Ibérica que pode ser utilizado na área da saúde.

MAIS LIDAS

OPINIÃO

O Valor da Incerteza

O Valor da Incerteza

Lara Cunha: Enfermeira Especialista em Enfermagem Médico-cirúrgica; Research Fellow na Unidade de Investigação em Ciências da Saúde: Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

Verified by MonsterInsights