Região Norte com mais de cinquenta surtos ativos em lares e instituições

12 de Janeiro 2021

A região Norte contabiliza esta terça-feira 54 surtos ativos de Covid-19 em estruturas residenciais para idosos (ERPI) e instituições particulares de solidariedade social (IPSS), num total de 1.101 casos positivos confirmados, revelou a Administração Regional de Saúde (ARS-Norte).

Numa resposta escrita enviada à agência Lusa, fonte da ARS-Norte indicou que são mais de meia centena os surtos ativos na região em instituições que acolhem idosos e outra população institucionalizada.

No total, os 54 surtos correspondem a 1.101 casos positivos confirmados de infeção pelo novo coronavírus.

A pandemia de Covid-19 provocou pelo menos 1.945.437 mortos resultantes de mais de 90,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 7.925 pessoas dos 489.293 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

O estado de emergência decretado em 09 de novembro para combater a pandemia foi renovado com efeitos desde as 00:00 de 08 de janeiro, até dia 15.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Investigadores conseguem mapear comunicação do cancro do pâncreas

Investigadores do Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S) da Universidade do Porto conseguiram, através de um “espião colorido”, mapear a comunicação do cancro do pâncreas, abrindo portas para novas terapias, foi esta quinta-feira anunciado.

Estudo propõe critérios para atualização periódica do pagamento da hemodiálise

O estudo “Preço compreensivo da hemodiálise em Portugal”, do especialista em economia da saúde Eduardo Costa, conclui que a introdução de um modelo dinâmico de preço compreensivo e a eventual revisão do modelo de gestão integrada da doença renal crónica serão instrumentos cruciais para garantir a continuidade da excelência dos cuidados de hemodiálise.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights