16/02/2022 | Nacional, Notícias

Pico da quinta vaga da pandemia atingido no dia 28 de janeiro

O pico da quinta vaga da pandemia de Covid-19 foi atingido no dia 28 de janeiro e Portugal já está numa fase decrescente da onda pandémica relacionada com a Ómicron, avançou esta quarta-feira o perito da DGS Pedro Pinto Leite.

“Portugal passou por cinco grandes ondas epidémicas e encontramo-nos na quinta maior onda desde o início da pandemia”, afirmou o especialista em Saúde Pública na reunião do Infarmed, que está a decorrer em Lisboa e que junta especialistas e responsáveis políticos.

Segundo dados apresentados por Pedro Pinto Leite, atualmente a incidência cumulativa a sete dias por 100 mil habitantes, entre 07 e 13 de fevereiros, é de 1.562 casos, o que representa menos 45% relativamente ao período homólogo e indica que Portugal de encontra “numa tendência decrescente” da pandemia.

“O pico da incidência terá ocorrido no dia 28 de janeiro com 2.789 casos a sete dias por 100 mil habitantes”, salientou o especialista da Direção-Geral da Saúde (DGS).

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Share This