Bombeiros de Évora com seis infetados e serviço assegurado pelos restantes

29 de Novembro 2020

Seis bombeiros da corporação de Évora estão infetados com o vírus da covid-19 e encontram-se em quarentena, estando o serviço a ser assegurado pelos restantes que fizeram teste com resultado negativo, disse hoje o comandante.

Em declarações à agência Lusa, o comandante dos Bombeiros Voluntários de Évora, Rogério Santos, precisou que estão infetados e a cumprir quarentena quatro homens e duas mulheres que prestam serviço na corporação alentejana.

O primeiro caso, revelou o responsável, foi o de um bombeiro da corporação que se sentiu doente e com sintomas compatíveis com a covid-19, tendo realizado um teste com resultado positivo.

Posteriormente, adiantou o comandante dos Bombeiros de Évora, um outro bombeiro, que tem ligações familiares com o primeiro, também fez um teste com resultado positivo.

Rogério Santos indicou que os outros bombeiros da corporação, num total de 55 pessoas, foram testados na passada quarta-feira, tendo então sido detetados mais quatro infetados pelo vírus da covid-19.

A maioria dos bombeiros infetados está assintomática e estão todos a cumprir quarentena nas respetivas residências, sublinhou, prevendo para a próxima semana a realização de novos testes aos que tiveram resultado negativo.

“Na nossa profissão, que é de risco, é possível acontecer uma situação destas”, apesar de serem cumpridas “todas as medidas e recomendações da Direção-geral da Saúde [DGS]”, assinalou o comandante dos Bombeiros de Évora.

Segundo o responsável, a corporação alentejana está a prestar o serviço dentro da normalidade, com os elementos que tiveram resultado negativo, no teste para o coronavírus SARS-Cov-2.

Portugal contabiliza pelo menos 4.427 mortos associados à covid-19 em 294.799 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Esclerose Múltipla

Cristiana Lopes Martins, fisiatra nos hospitais de Portimão e Lagos (Unidade Local de Saúde do Algarve) e na Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano; Eduarda Afonso, fisiatra no hospital de Faro (Unidade Local de Saúde do Algarve)

Enfermeiros querem reunir com António Gandra d’Almeida

O Sindicato Nacional dos Enfermeiros (SNE) saudou esta quarta-feira a eleição de António Gandra d’Almeida como novo diretor executivo do Serviço Nacional de Saúde. Em declarações ao nosso jornal, o responsável afirmou que vai solicitar uma reunião com António Gandra d’Almeida e a nova equipa.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights