Hospital de Évora tem unidade de cuidados intensivos com “lotação completa”

23 de Novembro 2020

O Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) está hoje com a unidade de cuidados intensivos (UCI) para doentes com covid-19 com "lotação completa", o que acontece pela segunda vez nos últimos dias, revelou fonte hospitalar.

“A primeira lotação da UCI COVID registou-se na passada quinta-feira e, apesar de algumas vagas, entretanto, hoje voltou a ter a lotação completa”, indicou a fonte do gabinete de comunicação e marketing do HESE, numa resposta por correio eletrónico a questões colocadas pela agência Lusa.

A mesma fonte precisou que a UCI covid do HESE tem oito doentes com covid-19, que se juntam aos 15 que se encontram em enfermaria, num total de 23 pessoas infetadas com covid-19 internadas naquela unidade hospitalar alentejana.

“A nossa maior preocupação é manter a capacidade de resposta que temos conseguido até ao momento”, sublinhou a fonte, indicando que o hospital de Évora não recebeu doentes com covid-19 de fora da região, nem enviou para outros hospitais.

Segundo a fonte do Gabinete de Comunicação e Marketing do HESE, estão em curso as obras para a criação de uma nova unidade de cuidados intensivos covid, que vai “nascer” no quarto piso do edifício do Espírito Santo.

A futura UCI covid, cujas obras deverão estar concluídas até ao final deste ano, vai ter “mais 11 camas”, que acrescem às “oito já existentes” na unidade de cuidados intensivos polivalente (UCIP), perfazendo “um total de 19 camas para doentes críticos”.

Portugal contabiliza pelo menos 3.971 mortos associados à covid-19 em 264.802 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Esclerose Múltipla

Cristiana Lopes Martins, fisiatra nos hospitais de Portimão e Lagos (Unidade Local de Saúde do Algarve) e na Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano; Eduarda Afonso, fisiatra no hospital de Faro (Unidade Local de Saúde do Algarve)

Enfermeiros querem reunir com António Gandra d’Almeida

O Sindicato Nacional dos Enfermeiros (SNE) saudou esta quarta-feira a eleição de António Gandra d’Almeida como novo diretor executivo do Serviço Nacional de Saúde. Em declarações ao nosso jornal, o responsável afirmou que vai solicitar uma reunião com António Gandra d’Almeida e a nova equipa.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights