Câmara de Estremoz lança medidas de apoio social e económico

10 de Junho 2020

A Câmara de Estremoz (Évora) aprovou um conjunto de medidas de apoio social e económico para minimizar a perda de rendimentos das empresas e famílias, na sequência da pandemia de covid-19, informou hoje o município.

Entre as medidas, aprovadas em reunião do executivo autárquico, na terça-feira, e hoje divulgadas, conta-se a isenção ou redução do pagamento de rendas, taxas e tarifas municipais, que estava suspenso, devido à pandemia.

Segundo a câmara municipal, no período de 01 de março a 30 de junho deste ano, beneficiam de isenção total de pagamento as rendas destinadas a habitação e as pagas por empresas que tenham estado totalmente encerradas, sem auferir quaisquer rendimentos.

Todas as empresas que continuaram no ativo, mas que tenham tido uma quebra de rendimentos superior a 50%, face ao mês de fevereiro deste ano, vão ter uma redução de 50% do valor da renda, indicou a autarquia.

No mesmo período, beneficiam de isenção total do pagamento das tarifas fixas e variáveis de abastecimento de água, saneamento e resíduos urbanos todos os utilizadores domésticos e instituições particulares de solidariedade social (IPSS).

Também beneficiam desta isenção as empresas e empresários em nome individual que, em 2019, não tenham atingido um volume de negócios superior a 12.500 euros ou que tenham encerrado a sua atividade no período em causa, em consequência da pandemia.

A autarquia vai aplicar ainda uma redução de 50% no pagamento das tarifas fixas e variáveis de abastecimento de água, saneamento e resíduos urbanos para os utilizadores não-domésticos que comprovadamente tenham tido uma quebra de rendimentos superior a 20%, de 01 de março a 31 de maio deste ano.

Segundo o município, vai ser aplicada a isenção total, no período compreendido entre 01 de março e 30 de junho, ao pagamento das taxas municipais referentes à participação de feirantes, produtores e comerciantes no mercado abastecedor, mercado de levante e mercado tradicional.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Centro de Saúde de Óbidos reabre na sexta-feira

O Centro de Saúde de Óbidos vai reabrir na sexta-feira, após uma requalificação de mais de meio milhão de euros financiados Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), informou a Unidade Local de Saúde (ULS) do Oeste.

Papa levado para o hospital para fazer exame médico

O Papa Francisco foi levado hoje a um centro médico ligado do hospital Gemelli, na ilha Tiberina, em Roma, para um exame médico após a audiência geral no Vaticano, disseram fontes do Vaticano à agência de notícias ANSA.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights