Proteção Civil de Moura suspende visitas a lares

5 de Julho 2020

A Proteção Civil de Moura, no distrito de Beja, decidiu suspender, a partir de segunda-feira, as visitas aos utentes dos lares de Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) do concelho, informou hoje o município.

A “medida preventiva”, decidida após a reunião semanal com as IPSS do concelho, vigora por um período de 15 dias e resulta da “análise à evolução do número de casos de infeção pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 na região do Alentejo”.

A Câmara de Moura informou ainda que irá promover, na quarta-feira, uma nova testagem aos profissionais que se encontram “na linha da frente” do combate à pandemia, nomeadamente no Serviço de Urgência Básica, Bombeiros Voluntários e delegação de Safara e Sobral da Adiça da Cruz Vermelha Portuguesa.

Segundo a última atualização epidemiológica da Direção-Geral da Saúde (DGS), o Alentejo contabiliza 520 casos de covid-19 e 10 mortos desde o início da pandemia.

Em 18 de março, foi detetado um surto da doença num lar de Reguengos de Monsaraz, distrito de Évora, que de acordo com a última atualização da autarquia local contabiliza 143 casos ativos e nove mortos.

Portugal contabiliza pelo menos 1.605 mortos associados à covid-19 em 43.569 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da DGS.

LUSA/HN

0 Comments

Submit a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS

Altamiro da Costa Pereira: “A Inteligência Artificial não passa de mais uma ferramenta à disposição do médico”

O impacto das tecnologias no ensino da Medicina e da prática clínica foi o tema escolhido para encerrar o ciclo de conversas conduzidas pelo professor catedrático, Jorge Polónia. Desta vez, e para terminar com ‘chave de oro’, o convidado foi o Diretor da Faculdade de Medicina do Porto, o Prof. Altamiro da Costa Pereira. O responsável destacou que apesar de a Inteligência Artificial ser uma ferramenta “poderosíssima”, esta “nos dá por si só novo conhecimento”, o que significa que “a investigação vai continuar a ser feita” e os médicos vão ser sempre necessários.

MAIS LIDAS

Share This
Verified by MonsterInsights